Anterior1 de 2Próximo

Cabeçalho modalidadesPedrosa, a correr em casa, dominou os treinos, fez a pole position, saiu na frente e fez o pleno ao acabar em primeiro. Um grande prémio de Espanha em tudo idêntico à sua corrida de 2008, sozinho na frente desde o início, não deu nenhuma hipótese ao segundo classificado, Marc Márquez, que ainda andou a trocar posições com Zarco, mas assim que conseguiu acertar o ritmo, não largou mais o segundo lugar. O terceiro lugar ficou para Lorenzo que assim consegue o primeiro pódio com a Ducati.

Zarco, que mais uma vez fez uma corrida fantástica para um rookie, acabou em 4, numa corrida em que se percebe que a escolha de pneus foi determinante. Ele e Lorenzo, foram os únicos que saíram com os dois pneus de composto médio, ao contrário da maior parte dos pilotos que preferiu sair com o pneu da frente duro e o traseiro médio. A exceção também, nos pneus de Marc Márquez e Cal Crutchlow, se bem que neste caso apenas foi fortuito para o espanhol, pois Crutchlow voltou a cair nas primeiras voltas.

E foi um grande prémio cheio de quedas, Bautista e Jack Miller foram os primeiros, com o australiano a culpar e empurrar o espanhol já na gravilha. No mesmo momento que Crutchlow caiu, atrás dele cai também Pol Espargaró. Andrea Iannone e Tito Rabat fecharam o leque de pilotos que tiveram uma queda este fim de semana, felizmente sem gravidade.

Fonte: El País
Fonte: El País

Rossi, o líder do campeonato, fez uma corrida para esquecer, ao que conseguimos averiguar, o pneu traseiro não ajudou muito o italiano, fazendo com que conseguisse acabar apenas em 10 lugar. No entanto, mantem a liderança, se bem que apenas 62 pontos, mais 2 que Viñales, que foi 6 em Jerez, e mais 4 pontos que Marc Márquez. Pedrosa com esta vitoria fica a 10 pontos do piloto da Yamaha. Jerez de La Frontera, que inicialmente se dizia ser um circuito propicio às Yamaha oficiais, acabou por ser a Honda a conseguir a dobradinha e a Yamaha apenas com um 6 e 10 lugar.

Uma corrida sem muita historia, infelizmente, mas estou a gostar cada vez mais de ver as corridas de Zarco e de Cal Crutchlow, se bem que este ultimo voltou a cair. Tanto ele, como Marc Márquez antes do inicio deste grande prémio diziam não estar muito confiantes com a Honda deste ano, vamos ver nas próximas corridas o que irá acontecer.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários