Anterior2 de 2Próximo

Ainda relativamente aos estreantes, grande destaque para o campeão de Moto2, Francesco Bagnaia (Pramac Ducati), que se mostrou a um nível superior aos restantes rookies desde o primeiro dia aos comandos da sua Ducati. No último dia de testes conseguiu mesmo algo incrível. Antes de iniciar a sua primeira temporada em MotoGP, o jovem piloto italiano conseguiu o segundo melhor tempo, abaixo dos 59 segundos. Uma marca excelente para Bagnaia, que arranca o ano da melhor forma.

Francesco Bagnaia foi o melhor rookie nestes primeiros testes do ano
Fonte: Alma Pramac Racing

Depois de todas as queixas e problemas do ano passado, a ansiedade era grande para ver as máquinas da Movistar Yamaha Team saírem para a pista pelas mãos de Maverick Viñales e Valentino Rossi.

No primeiro dia, foi possível perceber que a equipa tinha feito vários progressos com a mota e os tempos mostravam precisamente isso, com os dois pilotos dentro do top seis. No segundo dia, Viñales estabeleceu o melhor tempo por volta. A Yamaha chegou assim ao final dos primeiros testes do ano com ambos os pilotos dentro do top dez durante os três dias em Sepang. Viñales e Rossi mostraram-se satisfeitos com o trabalho da equipa e descreveram sensações positivas aos comandos na nova Yamaha. No entanto, nem tudo é bom e, segundo ambos os pilotos, ainda há pontos a melhorar antes do início da temporada, tais como a aceleração e a travagem.

Viñales alcançou, no segundo dia de testes, o topo da tabela de tempos
Fonte: MotoGP

Apesar de a Ducati ter surgido em grande nestes primeiros testes de 2019, os tempos por volta não são tudo. Tal como os próprios pilotos e as equipas vieram a salientar, ser rápido é, de facto, muito importante, mas o ritmo de corrida e a consistência são absolutamente fulcrais para um bom desempenho. 

A Yamaha, por exemplo, não conseguiu tirar sempre os melhores tempos por volta e ser tão forte como a Ducati nesse aspeto, mas, em termos de consistência, conseguiram estar mais ou menos ao mesmo nível.

De realçar também é a presença dos pilotos das categorias de Moto2 e Moto3 em Valência, Espanha, para preparar a temporada que se aproxima. Estes são testes privados e nem todas as equipas estão a participar. Os primeiros testes oficiais do ano para estas duas categorias terão lugar nos dias 20, 21 e 22 de fevereiro, em Jerez de la Frontera. 

No mesmo circuito irão também realizar-se, nos dias 23, 24 e 25 de fevereiro, os últimos testes do ano de MotoGP, antes do início da temporada.

Texto revisto por: Mariana Coelho

Foto de Capa: MotoGP

Anterior2 de 2Próximo

Comentários