Anterior1 de 2Próximo

fc porto cabeçalhoA oitava jornada trouxe consigo mais uma paragem no campeonato. Desta vez, de duas semanas. Com o Mundial a acontecer no próximo ano, era hora de conhecer os primeiros apurados, saídos da fase de grupos da qualificação e, para marcar presença, a seleção portuguesa tinha duas finais pela frente. Depois, foi a vez das equipas da primeira liga arrancarem a sua campanha na Taça de Portugal. Agora, é tempo de voltar as atenções para a Primeira Liga e para o principal objectivo do FC Porto esta época: o título de campeão nacional.

“Nós vamos ser campeões, c…”: O clássico entre o FC Porto e o Sporting CP marcou a última jornada no campeonato e deixou esta frase na mente de todos os portistas. Apesar de o resultado não ter ido além de um empate a zero, a visita dos dragões a Alvalade deixou em todos a certeza de que, este ano, é possível! Não que nos outros não fosse. É sempre. Enquanto os números permitirem, podemos sempre acreditar e o ano passado, acreditamos até muito perto do final. Mas este ano, é diferente. Muito se falou, aquando da passagem de Lopetegui pelo dragão, que o “ser porto” era algo perdido, que já não se via em campo a garra e querer de outros tempos, a garra que permitiu vencer o maior rival por cinco a zero, que levou à conquista do título em pleno estádio da luz, que ajoelhou um treinador no último suspiro de um jogo que, na altura, decidiu o campeonato.

Fonte: FC Porto

No entanto, tudo isso parece estar, finalmente, de volta. A nova época não trouxe ao Porto uma mão cheia de contratações, mas sim alguns regressos. Regressos de jogadores emprestados que vieram enfim dar o seu contributo mas, sobretudo, um regresso especial: Sérgio Conceição. E se ele acredita, os adeptos confiam.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários