José Gomes: «Há muitos jogos que foi uma tremenda injustiça não termos tido pontos»

    O CS Marítimo foi despromovido depois de 38 anos na Primeira Liga Portuguesa. José Gomes mostrou-se muito triste com o desenlace da eliminatória.

    José Gomes lamentou profundamente a despromoção do CS Marítimo, no qual acredita que o clube merecia ter tido outro resultado:

    «Merecíamos ter vencido. Os pênaltis são uma lotaria. Avisámos do lado do campo que podia ser difícil pela relva. Seria melhor do outro lado para os pênaltis serem batidos de forma normal. É inglório pelo percurso que fizemos e pelo futebol que apresentámos com muitos jogos bem conseguidos. Estou de consciência tranquila pelo meu trabalho e entrega e não há ninguém que esteja a sentir mais a derrota do que eu».

    O treinador do CS Marítimo aborda também o desafio que foi ter assumido o comando técnico no meio de um período difícil:

    «Este clube é muito grande e tem adeptos extraordinários. Merecia ficar na Primeira Liga por toda a história que tem. Aceitei o desafio num momento difícil, fui o terceiro treinador da temporada. Abracei a causa com um espirito de missão de vir ajudar um clube pelo qual tenho um sentimento especial. As coisas aconteceram desta forma, temos de nos queixar das oportunidades que não fizemos, mas o que conta são golos».

    Por fim, José Gomes manda uma mensagem aos adeptos e volta a dar a sua opinião sobre o campeonato do Marítimo:

    «Estava me a recompor no fim do jogo. Foi um choque muito grande. Estes adeptos são extraordinários e merecem apoiar a sua equipa na Primeira Liga. Há muitos jogos que foi uma tremenda injustiça não termos tido pontos. Com esses pontos não estaríamos a jogar este playoff. Jogámos mal no primeiro jogo, mas hoje fomos muito melhor que eles. Não convertemos e perdemos».

    CS Marítimo jogadores
    Fonte: Carlos Silva/Bola na Rede

    Sabe mais sobre o nosso projeto!

    Bola na Rede é um órgão de comunicação social de Desporto, vencedor do prémio CNID de 2023 para melhor jornal online do ano. Nasceu há mais de uma década, na Escola Superior de Comunicação Social e em forma de programa de rádio.

    Desde então, procura ser uma referência na área do jornalismo desportivo e de dar a melhor informação e opinião sobre desporto nacional e internacional, assim como fazer cobertura de jogos e eventos desportivos em Portugal continental, Açores e Madeira.

    Podes saber tudo sobre a atualidade desportiva com os nossos Última Hora e, para estares a par de tudo, não te esqueças de subscrever as notificações!

    A 28 de outubro de 2019, decidimos expandir o nosso alcance com a introdução dos programas em direto, através do canal BOLA NA REDE TV, no Youtube.

    Além destes diretos, temos também muita informação através das nossas redes sociais e em vários modelos de podcasts, disponíveis nas mais diferentes plataformas e que procuram dar um pouco de tudo sobre o mundo do desporto em geral. Atualmente, temos para te oferecer os seguintes conteúdos:

    Se quiseres saber mais sobre o projeto, dar uma sugestão ou até enviar a tua candidatura para seres redator, comentador ou moderador, envia-nos um e-mail para [email protected]. A bola está do teu lado e nós contamos contigo!

    - Advertisement -

    Subscreve!

    PUB

    spot_img

    Artigos Populares

    Diogo Lagos Reis
    Diogo Lagos Reishttp://www.bolanarede.pt
    Desde pequeno que o desporto lhe corre nas veias. Foi jogador de futsal, futebol e mais tarde tornou-se um dos poucos atletas de Futebol Freestyle, alcançando oficialmente o Top 8 de Portugal. Depois de ter estudado na Universidade Católica e tirado mestrado em Barcelona, o Diogo está a seguir uma carreira na área do jornalismo desportivo, sendo o futebol a sua verdadeira paixão.