Em mais uma emissão de BnR TV, voltámos a contar com um convidado de luxo: José Pedro, ex-jogador de, entre outros, Boavista, Vitória de Setúbal e Belenenses, foi chamado a jogo para, com o painel de comentadores da casa, discutir o que ainda falta jogar da Primeira Liga Portuguesa.

Se no que respeita à luta pelo terceiro lugar, as posições parecem definidas, a disputa pelo quinto posto – que dá acesso à 2.ª Pré-Eliminatória da Liga Europa – e, sobretudo, pela manutenção, está mais renhida que nunca.

Para José Pedro, que conta com quase uma centena de jogos ao serviço dos sadinos, o Vitória Futebol Clube é, atualmente, a equipa com maior probabilidade de acompanhar o Desportivo das Aves na descida de divisão. “Por mais que me custe, e dado o panorama, vejo o Vitória com imensas dificuldades”, afirmou o ex-médio.

Entre várias histórias, o atual treinador adjunto da equipa técnica de Silas recordou os tempos em que foi orientado por Jorge Jesus, “o melhor treinador que apanhou” e que “vem para acrescentar valor ao futebol português”.

Anúncio Publicitário

Sobre o futuro, disse que no imediato o objetivo passa por concluir o IV nível de treinador, mas não pôs de parte a possibilidade de abraçar um novo desafio na próxima época, ao lado de Silas, estando o Panathinaikos na linha da frente das opções do ex-Sporting.

Com Miguel Ferreira de Araújo, Diogo Soares Loureiro, Frederico Seruya e o ex-jogador José Pedro.

Artigo revisto por Joana Mendes