Anúncio Publicitário

O ESQUEMA TÁTICO

Fatih Terim sabe que não dispõe das mesmas armas que as grandes potências europeias. Contudo, o Ímparator também sabe que há outras formas de alcançar o sucesso. Como? Optando por uma equipa bastante coesa e conservadora mas, ao mesmo tempo, cínica nas escassas oportunidades de ataque. A Turquia deverá apresentar-se no Europeu de 2016 com o sistema tático 4-5-1. Mas com algumas variações e surpresas que têm sido testadas nos últimos jogos como, por exemplo, a opção de jogar com o médio Mehmet Topal no centro de eixo defensivo pouco talentoso.

É um facto reconhecido que o futebol da seleção do “quarto crescente” não deslumbra… mas também se diz por aí que os pupilos de Fatih Terim são capazes de dar tudo por tudo até ao apito final. Uma seleção a ter em conta para este Europeu de 2016!

Anúncio Publicitário
Anúncio Publicitário