A CRÓNICA: VITÓRIA CATEGÓRICA PARA AFASTAR MAUS PRESSÁGIOS

O FC Bayern München foi a casa do FC Schalke 04 vencer por 4-0, num duelo a contar para a 18ª jornada da Liga Alemã, que opôs o líder da competição contra o último classificado.

Num primeiro tempo completamente dominado pela formação da Baviera no VELTINS-Arena, a partida começou de forma relativamente equilibrada, com o Bayern a tentar controlar o jogo, ditando o seu ritmo, ainda que as ocasiões de golo se tenham dividido entre as duas equipas nos minutos iniciais. Os bávaros foram crescendo na partida, tal como as oportunidades por eles desperdiçadas, mas a corrente ofensiva dos visitantes não cessava e acabou mesmo por dar frutos quando Thomas Müller, à passagem do minuto 33’, colocou os die roten na frente do marcador, depois de dar o melhor seguimento a um cruzamento teleguiado de Joshua Kimmich.  O Schalke ainda dispôs de um par de oportunidades interessantes de golo, mas não conseguiu aproveitar.

No segundo tempo, a formação de Gelsenkirchen ainda deu sinais de mudança, mas rapidamente foram dissipados com o segundo tento da formação de Munique, que surgiu dos pés do inevitável Lewandowski ao minuto 54’. Os anfitriões tentaram responder e ainda foram capazes de criar constrangimentos à linha defensiva dos campeões alemães, bem como a Manuel Neuer, mas foram incapazes de as concretizar.

Os bávaros mantiveram um registo muito ofensivo e foram completamente devastadores nos minutos finais da partida apontando mais dois golos em três minutos. Primeiro por intermédio de Müller, à passagem do minuto 88’, bisando assim no encontro, e depois por Alaba, aos 90’, com um tiro do meio da rua que acabou por deixar o guarda-redes Fährmann um pouco mal na fotografia.

Anúncio Publicitário

Com este triunfo o FC Bayern München é cada vez mais líder do campeonato, aproveitando os deslizes de RB Leipzig e BVB Dortmund, ocupando o primeiro lugar da tabela classificativa com 42 pontos, mais cinco que o segundo classificado. Já o FC Schalke 04 continua em apuros ao ser o lanterna vermelha da competição, com apenas 7 pontos. 

A FIGURA


Thomas Müller – O veterano avançado alemão voltou, uma vez mais, a mostrar toda a sua classe e o porquê de continuar a ser indispensável para os campeões alemães. Um regalo!

O FORA DE JOGO


Alphonso Davies – O lateral canadiano continua muito abaixo da forma que apresentou na temporada passada, contribuindo com pouco para a equipa. Longe dos momentos áureos da gloriosa época transanta, acabou mesmo por ser substituído a meio do segundo tempo.

 ANÁLISE TÁTICA – FC SCHALKE 04

A formação orientada pelo suíço Christian Gross apresentou-se num dispositivo tático de 4-2-3-1. Os da casa sentiram muitas dificuldades na construção devido à pressão exercida pela linha ofensiva dos FC Bayern München. As principais ocasiões criadas pelos caseiros surgiram de bolas paradas, alguns dos poucos momentos em que realmente criaram dificuldades à formação visitante. Ainda tentaram dar o ar da sua graça com alguns remates de longa distância, principalmente na segunda parte, mas com pouca eficácia.

11 INICIAL E PONTUAÇÕES

Fährmann (7)

Becker (6)

Kabak (6)

Nastasić (7)

Oczipka (6)

Stambouli (6)

Serdar (6)

Raman (6)

Uth (6)

Harit (6)

Hoppe (6)

SUBS UTILIZADOS

Boujellab (6)

Schöpf (6)

  

ANÁLISE TÁTICA – FC BAYERN MÜNCHEN

Os comandados de Hans-Dieter Flick atuaram num sistema tático base de 4-2-3-1. Os bávaros mostraram muita paciência e frieza na troca de bola neste encontro, esperando pelo momento certo para atacar a baliza adversária, coisa que foram fazendo com perigo ao longo de todo o encontro. A pressão exercida à primeira linha de construção do adversário foi determinante para o ‘sufoco’ atacante que conseguiram impor no jogo, impedindo que o FC Schalke 04 saísse a jogar com critério e assertividade.

 

11 INICIAL E PONTUAÇÕES

Neuer (7)

Süle (7)

Boateng (7)

Alaba (8)

Davies (6)

Kimmich (9)

Goretzka (7)

Sané (6)

Müller (9)

Gnabry (7)

Lewandowski (7)

SUBS UTILIZADOS

Coman (6)

Musiala (6)

Hernández (6)

 Choupo-Moting (-)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome