Anterior1 de 13Próximo

O BVB Dortmund terminou o século XX com uma das épocas de glória do clube. Depois de, nos anos 90, vencer duas Bundesliga, duas taças da Alemanha, uma Champions League e uma Taça Intercontinental, a formação da Vestefália do Norte voltou aos grandes triunfos após uma grande crise financeira.

Com o virar do século, e apesar da conquista do título em 2002, os auri-negros viram-se novamente num pesadelo graças a uma má gestão das finanças do clube. Num ato de fair-play, o FC Bayern Munique emprestou dois milhões de euros ao seu rival para conseguirem sobreviver. Depois de algumas vendas e dificuldades para se manterem na principal divisão alemã, os títulos voltaram à cidade de Dortmund.

A confiança depositada no novo treinador, Jurgen Klopp, e algumas contratações certeiras, foram o início de mais uma época gloriosa na história dos Schwarzgelben. Nos últimos anos, no entanto, algumas trocas com os Bávaros enfraqueceram o BVB Dortmund, mas tornaram o emblema do vale do Ruhr uma instituição estável e sem problemas financeiros.

Nesta edição do 11 do século, tive a difícil tarefa de escolher os melhores jogadores do BVB Dortmund desde 2000 até aos dias de hoje. Confesso que o mais difícil foi escolher entre tanta qualidade que os germânicos tiveram no meio-campo, mas optei por um 4-2-3-1 que provavelmente dava uma boa dor de cabeça aos adversários.

Anterior1 de 13Próximo

Comentários