À PROCURA DE SE AFIRMAR NA ELITE RESTRITA

Usando uma analogia da sociedade da Idade Média, o Fortuna não é um clube tão histórico como muitos que frequentam atualmente a elite alemã, mas é um verdadeiro pequeno burguês à procura de se voltar a afirmar. Com um palmarés consistente, ninguém lhe tira os troféus que até agora já conquistou (uma 1. Bundesliga, duas 2. Bundesliga e duas DFB Pokal – a última em 1980) e isso é tão certo como o céu ser azul. Falta apenas encontrar o seu caminho, que aviso já que será difícil, para se afirmar, novamente, no Futebol alemão.

O estádio pintou-se de vermelho e branco mesmo com a equipa no antepenúltimo lugar da 1. Bundesliga… Algo há a aprender nesta pequena cidade alemã!
Fonte: João Barbosa/Bola na Rede

Foi uma viagem a uma cidade que me mostrou que há muito ainda para aprender com o Futebol germânico, tanto dentro como fora das quatro linhas. Como se costuma dizer, foi um verdadeiro «banho de bola» que não só me fez olhar de outra forma para a Liga Alemã, mas também para a nossa, a Liga Portuguesa, que não está em crise… Não! Está no fundo de um poço à espera de ser resgatada. Se oportunidade houver para experienciar momentos como estes? Vão sem pensar duas vezes. Dos tubarões aos mais modestos, a experiência fora de Portugal é 100% diferente e especial.

Ah! Ao sairmos do estádio, tivemos de esperar numa longa fila para chegar ao metro e estávamos acompanhados por um adepto do Borussia. Felicíssimo mostrava com orgulho, através de cânticos, que o seu clube tinha ganho a um rival. Os do Fortuna respondiam com picardia, relembrando que o Borussia Mönchengladbach estava eliminado da DFB Pokal, a Taça da Alemanha. Por isso, aquilo que mais se ouvia era «Nós vamos a Berlim!». Apesar de tudo, respeito foi a palavra que sempre esteve acima de tudo e de todos, tal como ao longo do dia.

A incerteza quanto à situação no clube paira e o “medo” de voltar a ser despromovido já é um sentimento que consome os adeptos do Fortuna Düsseldorf
Fonte: João Barbosa/Bola na Rede

Dentro do metro na volta para o centro da cidade um novo habitat, mas o mesmo respeito sempre. Adeptos do Fortuna Düsseldorf e do Borussia Mönchengladbach continuavam a entoar cânticos uns contra os outros, mas sempre com a mesma amizade. E assim seguiu o comboio da 1. Bundesliga. Os clubes não saíram da mesma posição: o Fortuna continua a sofrer perto da zona de despromoção e o Borussia a lutar pelo título. Mas quem diria que ao longo de todo o texto «violência» não foi uma palavra presente. Assim é o Futebol e assim é o Futebol alemão.

Foto de Capa: Manuela Baptista Coelho / Bola na Rede

Anúncio Publicitário