TREINADORES

presenças

Marcelo Lippi é recordista em finais da Champions Fonte: Juventibus.com
Marcelo Lippi é recordista em finais da Champions
Fonte: Juventibus.com

Alex Ferguson (todas pelo Manchester United, em 1999, 2008, 2009 e 2011), Carlo Ancelotti (3 pelo AC Milan e 1 pelo Real Madrid) e Marcelo Lippi (todas pela Juventus, em 2003) são os treinadores com mais presenças em finais na história da Champions.

Don Carlo, o mais vencedor de sempre, conquistou 3 destas finais (2 pelo Milan, em 2002/03 – curiosamente frente a Lippi – e 2006/07, 1 pelo Real em 2013/14), Fergie venceu 2 (1998/99 e 2007/08) e o Commendatore ganhou 1 (1995/96).

 

Anúncio Publicitário

treinaram mais que uma equipa

Van Gaal pouco tempo depois de ter vencido a Champions League pelo Ajax Fonte: Huffington Post
Van Gaal pouco tempo depois de ter vencido a Champions League pelo Ajax
Fonte: Huffington Post

Apenas 5 treinadores orientaram mais que uma equipa em finais da Champions. Neste lote restrito, entram, para além do “nosso” José Mourinho (único com 100% de aproveitamento deste lote, em representação de FC Porto e Inter), os nomes de Louis Van Gaal (Ajax e Bayern Munique), Ommar Hitzfeld (Bayern e Borussia Dortmund), Carlo Ancelotti (AC Milan e Real Madrid) e Jupp Heynckes (Bayern e Real Madrid).

 

10 nacionalidades

Allegri vai repetir a presença numa final da Champions Fonte: Indian Express
Allegri vai repetir a presença numa final da Champions
Fonte: Indian Express

Apenas Europa (Alemanha, Bélgica, Escócia, Espanha, França, Holanda, Israel, Itália e Portugal) e América do Sul (Argentina) surgiram representadas na chefia de equipas técnicas em finais de Champions.

O país com mais técnicos diferentes sentados nos bancos durante o jogo decisivo é a Itália, com 5 – Marcelo Lippi, Fabio Capello, Di Matteo, Massimiliano Allegri e Carlo Ancelotti – logo secundada por Espanha e Alemanha (4).

De Portugal, apenas José Mourinho.