Prémios Individuais


Os grandes vencedores individuais deste sorteio foram os protagonistas do FC Bayern. Os bávaros foram justamente homenageados depois duma época de sonho onde, a nível europeu, foram 100% vitoriosos na Liga dos Campeões – nem um empate cederam diante dos adversários que encontraram na caminhada até ao título. Assim sendo, os jogadores e treinadores do FC Bayern arrecadaram cinco em seis dos prémios atribuídos esta tarde, “perdendo” apenas o prémio de Melhor Médio do Ano, atribuído ao belga do Manchester City, Kevin De Bruyne. 

Guarda-redes do Ano – Manuel Neuer

Defesa do Ano – Joshua Kimmich

Médio do Ano – Kevin De Bruyne

Avançado do Ano – Robert Lewandowski

Anúncio Publicitário

Jogador do Ano – Robert Lewandowski

Treinador do Ano – Hansi Flick

1
2
3
4
5
Artigo anteriorOs 4 dados estatísticos para um Sporting CP europeu
Próximo artigoManchester City FC no caminho dos dragões na Liga dos Campeões
O Diogo é licenciado em Jornalismo pela Universidade Católica. Também tirou o curso de árbitro na Associação de Futebol de Lisboa. Tinha 8 anos quando começou a perceber a emoção que o desporto movia. No espaço de quinze dias, observou a família a chorar de alegria o golo do Miguel Garcia em Alkmaar, a tristeza da derrota em Alvalade contra o CSKA o ensurdecedor apoio dos adeptos do Liverpool enquanto perdiam a final da Liga dos Campeões por 3-0. Hoje, e cada vez mais apaixonado por futebol, continua a desenhar o seu percurso para tentar devolver a esta indústria tudo o que dela já recebeu.                                                                                                                                                 O Diogo escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.