A FIGURA

Fonte: Liverpool FC

Sadio Mané – pode não ter marcado, mas foi, possivelmente, o elemento mais importante na vitória dos reds. Primeiro por interpretar, na perfeição, o papel defensivo que Klopp lhe “escreveu” (foram poucas as vezes que saiu do meio do meio-campo do Liverpool) e que permitiu compensar a ausência de Henderson no meio-campo. Depois, porque soube quando atacar e fê-lo, também, com qualidade, sendo sua a iniciativa que originou o primeiro golo dos ‘reds’.