Pedro Emanuel vai ser o rosto do novo projecto do Almeria, equipa que milita na segunda divisão espanhola, e que foi recentemente adquirida pelo árabe Turki Al-Sheikh.

O sonho do novo proprietário do clube da Andaluzia é chegar ao escalão máximo do futebol espanhol e para isso elegeu o técnico português para assumir este projecto, naquele que é considerado um dos maiores desafios da sua carreira como treinador.

Mas não se pense que o investimento de Turik Al-Sheikh será apenas e só no futebol sénior.

O plano também se estende à própria cidade de Almeria, com a construção de uma loja do clube bem no centro da cidade, e um bar desportivo para o adeptos que não possam ir ao estádio poderem desfrutar dos jogos da equipa num ambiente de festa.

O Sheik responsável pelo forte investimento previsto em Almeria
Fonte: Almeria

E o que dizer deste projecto que o técnico português vai ter em mãos?  Será mais um projecto que iludido pelo dinheiro, vai fazer com que pareça tudo fácil? Haverá mais pressão por resultados se houver um forte investimento? A verdade é que o clube até ao momento contratou 6 jogadores a custo zero sendo o maior investimento feito no defesa francês Mathieu Peybernes por 600 mil euros, o que demonstra para já uma investida cuidadosa no mercado de transferências.

Ainda assim Pedro Emanuel assume este desafio com grande entusiasmo e também contenção, frisando que um projecto destes requer alguma paciência. Mas será que os adeptos estarão dispostos a ser pacientes?

A estas perguntas Pedro Emanuel terá que responder com astúcia que demonstrou em projectos passados e no qual deixou a sua marca.

Por exemplo, no seu trabalho mais recente, no médio oriente,o seu trabalho ficou marcado pela conquista da taça árabe ao serviço do Al Taawon, aliado ao terceiro lugar no campeonato, façanhas que terão levado Turki Al-Sheikh a não duvidar na escolha do português para este projecto.

E a escala até ao sucesso será enorme.

Fonte: Almeria

Se olharmos para o valor dos plantéis da segunda divisão espanhola, o Almería está muito aquém de clubes como o Girona, Rayo Vallecano, Málaga, e  Deportivo da Coruña o que atesta bem da dificuldade em tornar o plantel andaluz competitivo perante estes e outros clubes com ambições em subir de escalão.

Ainda em construção, o plantel terá que ser bem apetrechado, e aqui os petro-dólares poderão fazer a diferença… ou não. No futebol os resultados é que contam e a avaliação do seu trabalho irá ser baseada nessa premissa.

A ambição do magnata árabe passa também pela construção de um centro de estágio, que pretende  ser um dos melhores da europa, e também pela  renovação das infra estruturas do estádio do clube, o Estádio de los Juegos Mediterráneos. A política de contratações passará pela compra de jovens talentos, e aqui a preferência passa pelo mercado europeu e também africano.

São tudo ideias de um ambicioso projecto que no papel tem tudo para vingar e que se for bem gerido poderá dar frutos num futuro próximo, e para Pedro Emanuel um desafio que alberga tanta responsabilidade tem que ser encarado como um português sabe encarar um desafio desta magnitude, trabalhando, trabalhando e trabalhando.

A uma semana do início do campeonato Pedro Emanuel terá de ter a mesma ambição do seu patrão aquando da apresentação deste mega projecto, e mostrar aos seus adeptos que o Almeria poderá lutar por algo mais que um lugar cómodo no campeonato.

Um desafio enorme estará à espera de Pedro Emanuel!

Foto de Capa: Almeria

Revisto por: Jorge Neves 

Comentários