RB Leipzig – Olympique de Marseille

O jovem avançado Timo Werner poderá ser decisivo na eliminatória
Fonte: RB Leipzig


O Olympique de Marseille já ganhou má fama para os lados do Minho, tendo derrotado o Vitória Sport Clube (fase de grupos) e o Sporting de Braga (16 avos de final) nesta competição. Chega aqui após derrotar o Athletic Bilbao nos “oitavos” e, com a Liga Francesa a ser dominada pelo PSG, como sempre, disputa o terceiro lugar com o Olympique Lyonnais. Assim, pouco mais resta aos seus adeptos sem ser  sonhar com a conquista do primeiro grande troféu europeu desde a controversa conquista da Liga dos Campeões, em 1993 (conta ainda com um Taça Intertoto, em 2005).

Já o RB Leipzig está nos quartos de final após eliminar um dos grandes favoritos a vencer a competição, o SSC Napoli, e o Zenit. Já mostrou, portanto, que não tem problemas em enfrentar os “tubarões” da Liga Europa.

Do lado dos alemães, não há baixas de renome; já do lado dos franceses, segundo noticia o La Voix Du Nord, Steve Mandanda, Adil Rami e Florian Thauvin, três das principais figuras da equipa, não estarão disponíveis na primeira mão, que será jogada na Red Bull Arena, em Leipzig. Estas ausências prejudicam seriamente as hipóteses de o Olympique Marseille seguir em frente.