Anterior1 de 2

Perspetivava-se mais um longo e aborrecido campeonato francês, onde o Paris Saint-Germain FC seria campeão mais tarde ou mais cedo, independentemente de como o resto das equipas se apresentassem no campeonato. A realidade, essa foi bem diferente, principalmente no que aos parisienses diz respeito.

Não começaram, de todo, bem a temporada e nas primeiras cinco jornadas somaram apenas nove pontos, algo pouco comum para os reis de França. Por essa altura já se começava a destacar aquela que seria a surpresa da temporada 2020/21, a equipa do LOSC Lille. Cinco jogos, 11 pontos, seis golos marcados e dois sofridos que valiam, na altura, o segundo lugar.

À frente estava, então, um super Stade Rennes FC, que com toda a sua qualidade individual e coletiva começava a evidenciar sinais de que poderia ser outro surpreendente candidato ao título. As cinco jornadas seguintes vieram, no entanto, restabelecer alguma normalidade ao campeonato francês, com o topo da tabela a receber o até então campeão, Paris Saint-Germain FC, que atingia assim os 24 pontos, mais cinco do que a turma de Renato Sanches, José Fonte e companhia.

Anúncio Publicitário

Mas quando tudo parecia encaminhar-se para mais um ano sem grandes surpresas, o vice-campeão europeu voltou a vacilar e em cinco jogos somou apenas cinco pontos, permitindo assim à equipa do LOSC Lille subir ao primeiro lugar, onde ficaria durante poucas semanas. “À coca” estava o Olympique Lyonnais, que de mansinho foi fazendo o seu trabalho e conseguiu, à jornada 17, chegar ao topo, onde já várias equipas tinham estado. O campeonato estava mais equilibrado do que nunca e este ano tinha tudo para ser diferente no país detentor do campeonato do mundo de seleções.

Nas semanas seguintes tudo seria uma questão de oportunidade: as equipas foram, entre si, rodando a liderança e a diferença pontual que as separava era mínima, o que evidencia muito do equilíbrio que foi a imagem de marca desta edição da Liga.

Anterior1 de 2

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome