Anterior1 de 2Próximo

Cabeçalho Liga Francesa

Atual detentor da hegemonia a nível do campeonato francês, o Paris Saint-Germain ainda não conseguiu impor o seu poder numa grande competição europeia. Essa hegemonia pode estar próxima de ser quebrada no final de época, com a cada vez mais provável conquista do campeonato por parte do AS Mónaco, que segue no primeiro lugar com mais três pontos do que os parisienses, e, por outro lado, as normalmente inconsequentes participações nas competições europeias podem findar-se nesta época. Tudo depende dos franceses, que após derrotarem o Barcelona por 4-0(!) na primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões veem escancarar-se a porta de entrada nos quartos de final da mesma.

Olhando para as épocas mais recentes, a melhor classificação do PSG na competição milionária foi a presença nos quartos de final, nos quais foi eliminado por equipas como Barcelona, Chelsea ou Manchester City. As eliminatórias nas quais isso aconteceu nunca foram muito desequilibradas, mas isso pouco importa na Liga dos Campeões, onde apenas um golo pode fazer toda a diferença. Em duas dessas épocas, o PSG defrontou o poderoso Barcelona, e foi eliminado claro, por uma das melhores equipas do Mundo. Barcelona esse que este ano pode, no entanto, apadrinhar uma nova passagem da equipa de Unai Emery à próxima fase da Champions, depois de ter saído derrotado de Paris por 4-0, e testemunhar a sua afirmação no panorama do futebol europeu.

Lucas festeja um golo apontado ao Arsenal Fonte: PSG
Lucas festeja um golo apontado ao Arsenal
Fonte: PSG

O campeonato não está a correr da melhor maneira para os tetracampeões, que podem assim virar todas a suas atenções para a maior competição a nível europeu e concentrar-se em retirar algo dela, mais concretamente um título, que nunca conquistou, tarefa para a qual tem um plantel bastante rico em qualidade e com jogadores com vasta experiência a nível europeu que pode ser preponderante no decorrer das próximas eliminatórias.

Jogadores como Ángel Di María ou Thiago Motta, que já conquistaram a Liga dos Campeões, sabem bem o que lhes espera nas próximas semanas e estão encarregues de transmitir aos colegas o que é necessário para chegar ao tão desejado título europeu. No entanto, e para além desses, o plantel do Paris SG conta também com jovens de grande talento e com vontade de se mostrar numa das maiores competições a nível mundial, e que estão prontos para se colocarem na grande montra do futebol. Jogadores com valor já confirmado como Draxler, Marquinhos ou Verratti não necessitarão tanto desta “montra”, mas não devemos esquecer jogadores ainda por se afirmar na Europa como Gonçalo Guedes, Meunier ou Aurier, que olharão certamente para esta competição com outra motivação e vontade de mostrar serviço.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários

Artigo anteriorEste Benfica: Tática ou Quebra?
Próximo artigoQue Estoril Open 2017? Um Cartaz em Crescimento
Nascido no seio de uma família portista, o Nuno não podia deixar de seguir o legado e faz questão de ser um membro ativo na ação de apoiar o seu clube, sendo presença habitual no Estádio do Dragão, inserido na claque Super Dragões. Para ele, o futebol é quase uma terapia, visto que quando está a assistir a algum jogo se esquece de todos as preocupações. Foi futebolista federado, mas acabou por entender que o seu papel era fora das quatro linhas, e também para seguir os estudos em Novas Tecnologias da Comunicação.                                                                                                                                                 O Nuno escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.