Cabeçalho Liga Inglesa

Alexis no Manchester United, Mkhitaryan no Arsenal. Troca por troca? Não, já que o United acrescentou algo mais, em dinheiro. Além disso, é justificável, já que Alexis era um dos motores mais potentes do ataque gunner, e o arménio não correspondia ao valor demonstrado em campo por Sanchez. No mês de Dezembro acreditava que o United iria buscar Gareth Bale, mesmo lesionado ainda. Achava que o namoro iria tornar-se casamento.

Por outro lado, dado o confesso interesse do City no chileno, não via o United com interesse em despender tanto dinheiro, pois tinha o rival da sua cidade interessado também. Vá, é verdade que também não ponderei a colocação de outro jogador no negócio. No final de contas, penso que todos ganham: Mkitharyan vai para uma equipa igualmente grande e forte, que pratica um futebol vistoso; e Alexis vai ser a estrela que tem faltado ao Manchester United. O tipo de jogador que José Mourinho tanto ansiava.

Anúncio Publicitário

Trata-se de jogador muito rápido e forte no um contra um. Ou seja, com tais características, não há igual no plantel. Acrescenta mesmo muitas soluções a uma equipa: por exemplo, o United depara-se várias vezes com defesas muito fechadas e bem sincronizadas em bloco. Um jogador como este numa das alas, com tamanha capacidade de aceleração e velocidade (além das outras variadas valências que fazem dele um jogador de uma qualidade bem acima da média) pode consistir num excelente ponto estratégico.

Fazer a equipa adversária descair, diremos, para a ala direita (convenha-se que Alexis jogue na esquerda) e com o Paul Pogba, que apresenta um passe longo de uma enorme categoria, pode muito bem colocar a bola longe e com precisão, incutindo ao novo camisa sete o arranque em diagonal em direção à baliza. Além disso, o jogo sem bola também será importante com a presença de Sanchez.

Em termos práticos, a inclusão do chileno no atual segundo classificado da Liga inglesa foi uma bela jogada por parte do Man. United. Resta saber só como vai passar a jogar a equipa, já que o ala reúne condições para ser servido e completar/ colaborar o/ no serviço, ou seja, o processo ofensivo passar ou acabar nos seus pés.

Ninguém acredita que Alexis Sanchez vá desiludir Fonte: Manchester United FC
Ninguém acredita que Alexis Sanchez vá desiludir
Fonte: Manchester United FC

No âmbito de competição em si, o United está em clara desvantagem em relação a um City muito acima dos concorrentes. Alexis é um jogador muito desequilibrador e em grande forma. Um jogador com as suas características era o que se pedia em alguns jogos esta época, por exemplo.

E aliás, um jogador com estas características é bem vindo a qualquer equipa, em qualquer contexto (caso de Sterling que tem garantido golos em finais de jogos, garantindo a conquista de três pontos, que tinham tudo para ser só um). Foi uma aquisição com um excelente timing, resta saber se o chileno está à altura dos encargos que o dorsal sete acarreta: desde 2009, aquando da saída de CR7, nenhum jogador que a tivesse envergado, singrou.

Foto de Capa: Manchester United FC