Um especial será sempre especial

Zlatan trabalhou com Mourinho no Inter FC
Fonte: Inter FC

Esta está a ser mais uma época difícil para o português com campeonato entregue ao rival City e com a recente eliminação da Liga dos Campeões diante do Sevilha fizeram com que a critica atacasse fortemente Mourinho.

Outrora admirado, o “Special One” começa a ser questionado sobre se é capaz de voltar aos tempos de glória. Com três passagens falhadas, milhões gastos e muitas vezes mal gastos, fazem com que os adeptos comecem a questionar as atuais qualidades do técnico.

Será que Mourinho desaprendeu? Procura um novo despedimento e reformar-se mais cedo?

Um génio será sempre um génio e é inegável o talento e a capacidade de Mourinho no que diz respeito a tudo o que envolve futebol.

Anúncio Publicitário

Quando se está no topo durante tanto tempo por vezes é difícil perceber quando é preciso parar para refletir e perceber que é preciso mudar. Porque por vezes é mesmo preciso, o panorama futebolístico mudou à 10 anos atrás o PSG não ia sequer à Liga dos Campeões, o City era um mero clube da Premier League.

As coisas mudaram e Mourinho precisa de saber adaptar-se a essas mudanças. Não será de todo falta de capacidade técnica e mental mas apenas uma questão de ego e orgulho. Admitir que o nosso estilo não reina para sempre e porque não aprender com quem entrou agora e conquistou.

Recomeçar como se fosse o primeiro clube que treinou, há mais de 10 anos, com humildade, vontade para reaprender e querer alcançar novamente o topo.

Foto de capa: Manchester United FC