Newcastle United FC: Uma época que começa logo de forma agridoce para os adeptos, depois de um verão quente onde a principal notícia parecia ser a da aquisição do clube pelo príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohammed Bin Salman, que trazia consigo um projeto megalómano que pretendia trazer os maiores astros mundiais para St. James Park. Depois de meses de “namoro”, as intenções de investimento ficaram em águas de bacalhau e o Newcastle terá de atacar a edição 20/21 no seu registo habitual. Aposto numa classificação a meio da tabela.

Crystal Palace FC: Muito talento individual, pouco talento coletivo. Outra equipa que de forma crónica apresenta muitos altos e baixos. Difícil antever como se vai portar este ano.

Brighton Albion FC: Outro dos principais candidatos à descida. Apesar de ter assegurado alguns reforços interessantes, não parece ser um clube talhado para a primeira divisão inglesa.

West Ham United FC: A par do Everton, a grande desilusão da edição 19/20. Muito investimento, muitas mudanças no comando técnico, num clube que parece ter tudo, mas que no fim não apresenta quase nada. Um clube histórico, com excelentes assistências, mas que sofre claramente por uma gestão deficiente e pela falta de um projeto desportivo consistente. Prevejo mais uma época difícil.

Aston Villa FC: Pelo talento individual que apresenta, pela qualidade de jogo que ia demonstrando em alguns jogos, tem tudo para ter aprendido com os erros da época passada e, desta forma, fazer uma edição 20/21 mais tranquila e de acordo com os pergaminhos do clube.

Anúncio Publicitário


Leeds United FC: Um dos clubes que aguardo com maior expectativa. Primeiro, porque é fantástico ver este histórico de volta à elite. Em segundo lugar, porque temos Bielsa ao leme, com todo o futebol e filosofia ofensiva que isso acarreta. Finalmente, porque tem sido também um clube ativo no mercado com alguns reforços interessantes. Logo na primeira jornada vamos poder assistir a um Liverpool – Leeds, que permitirá testar a fibra desta equipa.

West Bromwich Albion FC: Tenho curiosidade para perceber o que vai fazer o treinador Slaven Bilic no seu regresso à primeira liga. É uma equipa sem grandes estrelas, mas que pela força do coletivo e pelos jogadores experientes que tem no seu elenco, acredito que possa reunir condições para se aguentar no escalão máximo.

Fulham FC: Normalmente há sempre uma equipa que é despromovida logo no ano seguinte ao seu regresso. Se tivesse de apostar numa das 3 equipas promovidas, diria que o Fulham é o mais sério candidato a essa indesejada vaga. Tem a palavra Scott Parker e os seus pupilos para demonstrarem que este meu palpite está errado, até porque o Fulham é um clube que rima com a primeira divisão.

Divirtam-se neste regresso!

Artigo revisto por Joana Mendes