1.

Virgil Van Dijk (Liverpool FC) – Absolutamente previsível. 

Em duas épocas foi campeão Inglês e campeão europeu, chegou à final da Liga das Nações, sendo que na época passada foi considerado o melhor jogador do campeonato e ficou em segundo na bola de ouro (na minha opinião merecia o primeiro lugar…).

Ainda que esta época não tenha sido tão brilhante nem tão impressionante como na época 18/19, a verdade é que continua a ser claramente o melhor central da liga inglesa e talvez até o melhor central do mundo. Passeia classe em campo, sendo capaz de fazer desarmes e interceções de um nível de dificuldade acrescida, com uma simplicidade de quem parece estar a roubar a bola a uma criança de cinco anos. 

Anúncio Publicitário

À semelhança de Soyuncu, é um central extremamente completo, sendo que acaba por ser melhor em quase todos os campos porque tem atributos físicos notáveis. É alto, forte, rápido, inteligente, agressivo, técnico e tem uma leitura de jogo extraordinária.

Não vai ser fácil tirá-lo deste primeiro lugar.

Artigo revisto por Inês Vieira Brandão