Anterior1 de 6

Praticamente ano e meio depois, os adeptos estão a regressar às bancadas um pouco por todo o mundo. Ainda que a “conta-gotas”, os adeptos começam a fazer-se ouvir e o fator casa parece voltar a ter impacto à partida para um jogo.

Quer isto dizer que, durante este período, houve então momentos em que este fator foi anulado e jogar em grandes palcos não parecia já tão complicado como outrora. A ausência de ruído vindo das bancadas, que até nos permitiu ouvir frases vindas dos intervenientes, causava conforto a quem visitava terrenos habitualmente difíceis e atmosferas adversas.

É assim natural que os clubes que sentiram, e bem, a falta dos seus adeptos nos seus estádios, sejam aqueles cujos adeptos são mais fervorosos e apaixonados. Passando um pouco por toda a Europa, segue uma lista de clubes que foram mais prejudicados com a falta de adeptos.

Anterior1 de 6

Anúncio Publicitário

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome