1. 

João Pinto e Mário Jardel – Muito difícil escolher a parceria mais marcante em Portugal. Principalmente o centro da defesa do FC Porto apresentou várias duplas que mereciam destaque, ou então os super capitães Jorge Costa e Vítor Baía.

Escolhi esta dupla de Alvalade porque foram absolutamente preponderantes para aquilo que seria o último título de campeão do Sporting Clube de Portugal. O pai era João Pinto, Jardel era o filho, enquanto o nervoso bloco de notas de Laszlo Bölöni era o Espírito Santo.

Os leões avançaram época fora com João Vieira Pinto a assistir os golos de Jardel, que atingiu a quantia estratosférica de 42 só no campeonato.

Anúncio Publicitário
1
2
3
4
5
6
Artigo anteriorAcabou mais uma novela deste mercado: Toni Martínez é do FC Porto!
Próximo artigoO Clube da Terra: UFC Almeirim
O Diogo é Advogado, nascido e criado no Porto. Tem um mestrado em direito do trabalho e uma pós-graduação em gestão do futebol. Adora desporto, especialmente futebol, ao qual dedico grande parte do seu tempo livre. Já participou na elaboração de um livro de direito do desporto e a sua tese de mestrado é sobre o regime jurídico dos treinadores de futebol. Começou por ser jogador, passou para treinador e agora joga novamente numa equipa de Gondomar.                                                                                                                                                 O Diogo escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.