Anterior1 de 2Próximo

Cabeçalho Futebol Internacional

Foi seguramente uma das semanas mais longas da carreira de Igor Akinfeev. O guarda-redes russo, e dono absoluto da baliza do CSKA Moscovo desde 2004, viveu um misto de emoções na semana em que fez cair o recorde do lendário Rinat Dasaev ao tornar-se no guarda-redes russo com mais jogos sem sofrer golos na sua carreira. Na partida do passado Sábado frente ao FC Ural em Moscovo, Akinfeev cumpriu o seu jogo número 253 sem sofrer qualquer golo e viu o seu CSKA esmagar o emblema de Yekaterinburgo por uns claros 4-0. Uns dias antes, no entanto, Akinfeev não conseguiu esconder o desencanto pelos momentos menos felizes que a sua equipa tem vivido esta temporada e confidenciou a um meio de comunicação russo que todos “estavam cansados” no CSKA, incluindo o seu treinador Leonid Slutsky, deixando com isto transparecer, que estarão para breve mudanças profundas no emblema moscovita.

Aos 30 anos de idade, Igor Akinfeev tem sido motivo de chacota nos meios de comunicação e nas redes sociais à conta dos seus números extremamente negativos na na Liga dos Campeões da UEFA. Desde 2006 até final do passado mês de Novembro, Akinfeev esteve, nem mais nem menos, do que 42 jogos consecutivos a sofrer golos na mais importante competição de clubes do velho continente, números que contrastam claramente com aquilo que tem conseguido nas competições internas pelo seu clube e a nível internacional com a Sbornaya (selecção russa).

Akinfeev em 2005, com apenas 19 anos, depois de ter vencido a Taça UEFA ao serviço do CSKA Moscovo Fonte: bobsoccer.ru
Akinfeev em 2005, com apenas 19 anos, depois de ter vencido a Taça UEFA ao serviço do CSKA Moscovo
Fonte: bobsoccer.ru

A meio do mês passado na Akhmat Arena em Grozny, Igor Akinfeev fez cair um recorde que pertencia há muito tempo ao lendário Rinat Dasaev, não concedendo qualquer golo ao serviço do combinado russo pela 45º vez. O antigo guarda-redes de FC Spartak Moscovo e Sevilla FC esteve 44 jogos sem conceder qualquer golo ao serviço da antiga União Soviética entre 1979 e 1990. Akinfeev, por seu turno, com apenas 30 anos, pode fazer estender e muito este fantástico recorde, uma vez que, se nada em contrário acontecer, terá condições para jogar ao mais alto nível pelo menos durante mais quatro ou cinco anos.

Com 159 jogos sem sofrer golos na Liga Russa em apenas 12 anos, Akinfeev está também muito perto de fazer tombar mais um recorde bastante antigo pertencente àquele que muitos consideram ter sido o melhor guarda-redes de todos os tempos, a “Aranha Negra” Lev Yashin. O antigo número um do FC Dynamo Moscovo esteve em 160 jogos na principal divisão do futebol soviético sem sofrer qualquer golo desde 1954 até 1967, tendo agora, praticamente 50 anos depois, o seu impressionante recorde ameaçado por Igor Akinfeev.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários