4.

FC Internazionale Milano – Apesar do clube ter conseguido conquistar a Taça de Itália, Liga dos Campeões e Liga Italiana em 2009/2010 (famosa Tripletta), a partir desse momento iniciou-se um declínio que tornou quase obrigatória a presença dos Nerazzurri neste top.

Foram vários os treinadores e os jogadores a vestir nos últimos anos a camisola preta e azul, sem conseguir conquistar qualquer troféu. A juntar a isto, o clube acumulou poucas presenças na Liga dos campeões e prestações vergonhosas na Liga Europa.

Finalmente, com a chegada de António Conte, o cenário parece estar a compor-se, com o clube a conseguir lutar pelo título italiano, atingiu a final da Liga Europa e conseguiu duas qualificações diretas para a fase de grupos da Liga dos campeões. Mas o gigante só acorda quando os troféus voltarem a sorrir à equipa de Milão.