A FIGURA

Fonte: UEFA
Fonte: UEFA

Eden Hazard – Após uma época para esquecer ao serviço do Chelsea, o adepto comum suspirava de dúvidas acerca daquilo que Eden Hazard tinha para oferecer ao seu país no Euro’2016. O jogo do talentoso extremo, frente à Hungria, esclareceu os mais cépticos e deixou “água na boca” para o que ainda está para vir.

Eden Hazard foi impossível de parar, ziguezagueante e eficaz na hora do passe e do remate. Assistiu para o segundo golo da Bélgica, da autoria de Batshuayi, e marcou, uma dúzia de minutos depois, confirmando o apuramento da sua selecção para os quartos-de-final da competição.

Foi – a par de De Bruyne – o grande desequilibrador, não defraudando as expectativas que recolhe dos seus compatriotas e confirmando-se, de resto, como um dos grandes futebolistas da actualidade.