Cabeçalho Futebol Internacional

E já começou o CAN 2017! A principal competição futebolística disputada no continente africano teve o seu pontapé inicial no sábado (dia 14), com o anfitrião Gabão e a estreante Guiné-Bissau a disputarem a partida inaugural do torneio no estádio Stade de l’Amitié, situado na capital gabonesa Libreville. Neste texto, irei fazer um resumo geral do que se pôde assistir nos jogos dos quatro grupos nestes três primeiros dias da prova.

Começando pelo grupo A, como referenciado anteriormente, coube ao Gabão e à Guiné-Bissau darem as honras de abertura da prova, com um jogo bastante disputado entre ambas as seleções. O jogo terminaria com um empate a um golo, sendo que Pierre Aubameyang marcou o 1.º golo da edição de 2017, mas perto do final do encontro (aos 90+1’), Juary Soares, defesa-central do C.D. Mafra, marcou o golo do empate, o que lhe garantiu uma entrada direta nos registos históricos do futebol guineense, uma vez que marcou o primeiro golo de sempre da Guiné-Bissau num CAN. Quanto à outra partida do grupo A, as seleções dos Camarões e Burquina Faso decidiram “imitar” os seus outros dois oponentes, e acabaram empatados pelo mesmo resultado (1-1).

No 2.º dia de prova, entraram em ação Riyad Mahrez, Yacine Brahimi e Islam Slimani ao serviço d’As Raposas do Deserto (alcunha da seleção argelina) contra o Zimbabué. A expetativa era bastante elevada devido à qualidade futebolística destes três atletas, mas a seleção argelina foi surpreendida pelo força do coletivo adversário e não foi além de um empate a duas bolas, com o jogador do Leicester City, Riyad Mahrez, a evitar o primeiro resultado-surpresa do torneio, ao bisar aos 82’ e a estabelecer o 2-2 final. No jogo entre o Senegal e a Tunísia, assistiu-se à primeira vitória de uma seleção na prova, com os senegaleses a vencerem os tunisinos por 2-0, tendo o primeiro golo do encontro sido marcado de grande penalidade por Sadio Mané, atleta do Liverpool.

Gana-Uganda foi dos poucos jogos que não conheceu um empate no final Fonte: BeinSports
Gana-Uganda foi dos poucos jogos que não conheceu um empate no final
Fonte: BeinSports

No grupo C, a campeã em título, Costa do Marfim, não iniciou a sua prestação no CAN com o pé direito, uma vez que empatou 0-0 com o Togo, que contou com o experiente avançado Emmanuel Adebayor a titular. A partida entre as outras duas seleções que compõem este grupo (República Democrática do Congo e Marrocos), terminou com a vitória-surpresa da congénere congolesa por 1-0, com o Congo a terminar a partida com apenas 10 elementos em campo, pois Lomalisa Mutambala foi expulso aos 81´ por acumulação de cartões amarelos, mas apesar desse duro revés, os congoleses conseguiram aguentar a vantagem mínima até ao final do jogo.

Anúncio Publicitário

No último dia da 1.ª jornada da fase de grupos, o Gana confirmou o favoritismo que trazia consigo antes do início do encontro com o Uganda, e venceu por 1-0 – golo apontado por André Ayew, através da conversão de uma grande penalidade. No que diz respeito ao jogo entre o Mali e o Egito, não se observou uma fuga da tendência dos restantes jogos disputados: empate a zero entre os dois conjuntos. Duas notas importantes a ser referidas em cada um dos lados: Moussa Marega foi titular pela seleção maliana e atuou os 90´, ao passo que do lado egípcio, o guarda-redes Essam El-Hadary , com 44 anos de idade, tornou-se no mais velho jogador de sempre a participar num CAN, quando aos 25´ substituiu o lesionado Ahmed El-Shenawy .

Em jeito de balanço, o que se concluí acerca da 1.ª jornada da fase de grupos é que a maior parte das seleções participantes demonstraram uma pouca vontade em querer arriscar tudo no 1.º jogo, com um enorme receio de perderem os seus respetivos jogos, mas isso pode ser justificado pelo típico “nervoso-miudinho” que surge sempre no início de provas de alto calibre, como é exemplo o CAN. Para a próxima jornada, é de se prever que os jogos sejam mais abertos e que surjam mais golos para inverter a atual situação: apenas 12 golos marcados nas 8 partidas.

Foto de capa: DailyMail