Anterior1 de 3Próximo

O SL Benfica venceu hoje os croatas do RK Dubrava por 29-28 em jogo a contar para a 1.ª mão da 2.ª eliminatória da Taça EHF. Num jogo extremamente disputado do início ao fim, a maior experiência dos encarnados acabou por fazer a diferença nos minutos finais.

O encontro começou e o Dubrava foi a primeira equipa a abrir as hostilidades, fazendo o primeiro golo do encontro e pouco tempo depois chegando a uma vantagem de 3-1. No entanto, os encarnados rapidamente reagiram e atingiram a liderança com um parcial de 3-0 para deixar o marcador em 4-3. O equilibro ia pautando os minutos iniciais, com nenhuma das equipas a ser capaz de descolar no marcador e a trocarem lideranças atá à passagem do minuto 24, altura em que o pivot português Paulo Moreno levou cartão vermelho direto sendo desqualificado da partida.

A finalização ia sendo a maior falha das águias, que apesar de tudo iam tendo em Kevynn Nyokas um verdadeiro bombardeiro, ele que iria terminar o encontro com dez golos marcados, mas a igualdade manter-se-ia até ao intervalo, fruto de um golo de Nikola Kastelan dos croatas a três segundos do descanso, fazendo o 15-15.

Fonte: Carlos Silva/Bola na Rede

O segundo tempo foi em tudo semelhante. Os lisboetas marcaram primeiro, mas depressa os visitantes fizeram um parcial de 3-0, chegando ao 19-22 e cavando um pequeno fosso que obrigaria o Benfica a esforços redobrados na procura da vitória.

Um jogo de parada e resposta onde os comandados de Carlos Resende depressa regressaram à liderança, mas o Dubrava ia dando boa resposta mantendo-se sempre perto no marcador e assustado os adeptos benfiquistas que se deslocaram ao Pavilhão da Luz.

Com o encontro empatado a 28 e com dezassete segundos para jogar, Carlos Resende pediu um desconto de tempo para preparar a jogada que lhe daria a vitória. O francês Nyokas assumiu a responsabilidade e no último segundo do jogo rematou certeiro fazendo o 29-28 (o seu décimo da conta pessoal) e dando assim a vitória ao conjunto encarnado que amanhã jogara a segunda mão da eliminatória.

EQUIPAS:

SL Benfica – António Hebo, Pedro Seabra Marques, Rene Toft Hansen, Kevynn Nyokas, Miguel Espinha, Paulo Moreno, Ricardo Pesqueira, Borko Ristovski, Guilherme Tavares, Carlos Martins, Nuno Grilo, Fábio Vidrago, Gustavo Capdeville, Petar Djordic, Francisco Pereira

RK Dubrava – Ante Ivankovic, Karpo Sirotic, Luka Vinkovic, Davor Maricic, Filip Turcic, Filip Vucelic, Karlo Godec, Stjepan Malbasic, Marko Mihalhevic, Alan Javor, Dominik Markovic, Mislav Gravohac, Nikola Gravohac, Domagoj Gravohac, Nikola Kastelan, Ante Bibic

Anterior1 de 3Próximo

Comentários