A CRÓNICA: APESAR DAS LIMITAÇÕES, “LEÕES” MOSTRARAM A SUA FORÇA

Numa partida em atraso da 15.ª jornada do Campeonato Placard Andebol, o Sporting Clube de Portugal recebeu e bateu o Sport Lisboa e Benfica por 31-29, assumindo o primeiro lugar da classificação à condição – FC Porto tem menos um ponto e menos um jogo.

A partida regeu-se pelo equilíbrio demonstrado pelos dois conjuntos durante grande parte do encontro. Os “verdes-e-brancos” podiam ser vistos como favoritos, mas dadas as lesões e indisponibilidade de vários atletas, os “encarnados” tinham uma oportunidade de ouro para colocar pressão no topo da tabela.

Os minutos iniciais foram marcados por várias trocas de liderança, com nenhuma das equipas a conseguir criar separação. A perda de Lazar Kukic, central titular das “águias” foi um duro golpe para os comandados de Chema Rodriguéz, que se conseguiram manter na luta pelo resultado.

Ao intervalo o marcador assinalava 14-13 favorável à equipa da casa, e no segundo tempo a toada manteve-se, com um balanço notório e uma constante troca de lideranças. Carlos Ruesga ia assumindo as despesas leoninas, tanto na finalização como na organização do ataque, enquanto que na equipa da Luz, Petar Djordjic mostrava a sua eficácia característica da linha de sete metros.

Anúncio Publicitário

Ninguém se separava, até que, já dentro dos dez minutos finais, um parcial de 6-1 permitiu aos “leões” criarem um importante fosso de quatro golos, que foi determinante para o resultado final. O técnico encarnado tentou fazer algumas adaptações defensivas nos momentos derradeiros, mas a cabeça fria da equipa da casa fez a diferença.

A FIGURA

Fonte: Carlos Silva / Bola Na Rede

Carlos Ruesga (Sporting CP) – O central leonino voltou a ser decisivo, não só pelos seus oito golos, mas também pela frieza e tranquilidade que transmite para os seus colegas de equipa nos momentos de maior aperto.

O FORA DE JOGO

Fonte: Carlos Silva/Bola Na Rede

Petar Djordjic (SL Benfica) – Pode parecer estranho destacar negativamente um atleta que termina com dez golos marcados, mas a verdade é que 70% dos remates certeiros de Djordjic vieram da linha de sete metros. Um atleta com o seu poder de remate tem que oferecer mais em situações de ataque corrido.

ANÁLISE TÁTICA – SPORTING CP

Sem contar com Jens Schongarth, Edmilson Araújo, Tomislav Spruk e Daniel Andrejew – e com Tiago Rocha debilitado fisicamente – Rui Silva conseguiu apresentar uma equipa que se manteve fiel à sua forma de atuar, apoiada numa defesa 6-0 com muita força no bloco central – Pedro Valdes e Dmytro Doroshchuk – e com pontas velocíssimos, capazes de fazer estragos na transição.

Ofensivamente, sem o lateral alemão nem Edmilson Araújo, a equipa mostrou menos opções no remate exterior na posição de lateral-direito. Ainda assim, e através da sua circulação de bola, conseguiu aproveitar os espaços inter-defensor para criar oportunidades de finalização.

SETE INICIAL E PONTUAÇÕES

Matevz Skok (7)

Francisco Tavares (7)

Pedro Valdes (7)

Carlos Ruesga (8)

Salvador Salvador (7)

Arnaud Bingo (7)

Dmytro Doroshchuk (7)

SUBS UTILIZADOS E PONTUAÇÕES

Tiago Rocha (8)

Manuel Gaspar (-)

Nuno Roque (7)

Joel Ribeiro (7)

Darko Djukic (7)

ANÁLISE TÁTICA – SL BENFICA

A perda de Lazar Kukic foi um rude golpe para uma equipa da Luz que não tem várias opções de igual qualidade para essa posição específica. Chema optou por colocar Belone Moreira, lateral-direito, mas com grande capacidade de leitura e organização de jogo, na posição de central, e depois colocou em campo Francisco Pereira, central mas com características diferentes. A equipa ressentiu-se e não apresentou a mesma intensidade nas transições defesa-ataque, um dos seus pontos mais fortes.

Defensivamente os “encarnados” tentaram limitar ao máximo o jogo exterior, mas Carlos Ruesga e Tiago Rocha aproveitaram muito bem o espaço nas costas dos segundos defensores para baterem Sergey Hernandez e Gustavo Capdeville.

SETE INICIAL E PONTUAÇÕES

Sergey Hernandez (7)

Arnau Garcia (6)

Petar Djordjic (6)

Lazar Kukic (-)

Belone Moreira (7)

Ole Rahmel (6)

Paulo Moreno (7)

SUBS UTILIZADOS E PONTUAÇÕES

Mahamadou Keita (7)

João Pais (6)

 Kevynn Nyokas (7)

Gustavo Capdeville (6)

Francisco Pereira (6)

Matic Suholeznic (6)

Foto de Capa: Carlos Silva/Bola na Rede