Anúncio Publicitário

 MENÇÕES HONROSAS

Não garantiram um lugar no nosso Top 5, mas ainda assim destacaram-se esta temporada e merecem uma menção honrosa.

Entre os quais, escolhemos cinco que iremos elucidar de forma breve:

Hopkins foi o terceiro melhor marcador da temporada
Fonte: Carlos Silva/Bola na Rede

Jaron Hopkins – O terceiro melhor marcador da temporada, e o jogador mais influente na caminhada do Vitória SC até aos playoffs. Terminou a temporada com médias de 17.3 pontos, 6.2 ressaltos, 3.3 assistências e ainda com uns impressionantes 3.1 (!) roubos de bola.

Anúncio Publicitário

Lamar Morgan – O único jogador da lista cuja equipa desceu de divisão. Ainda assim, é imperativo destacar o que o norte americano fez numa época de desdoiro para o Maia Basket. O atleta norte americano terminou com médias de 18.6 pontos, 5.5 ressaltos, 1.5 assistências e 1.1 roubo de bola por jogo.

John Fields – O «Golias» do Sporting CP. Foi um autêntico monstro nos dois lados do campo, e após uma fase regular fantástica o único obstáculo no trajeto do poste foi uma lesão. Após esta lesão, Fields ressentiu-se e mesmo não atuando ao mesmo nível da fase regular, manteve exibições muito positivas no percurso dos leões até à conquista do título.

Omlid foi decisivo na época surpreendente do Imortal
Fonte: Diogo Cardoso / Bola na Rede

Tanner Omlid – Veio do segundo escalão do basquetebol português e, esta temporada, o tal reforço de exigência de Primeira Liga não deixou o extremo tímido. Aliás, pelo contrário, ao passo que o jogador norte americano revelou-se dos mais destemidos da LPB, seja em que zona do campo ele porventura estivesse a atuar. O extremo de 27 anos encerrou a temporada com médias de 13.8 pontos, 5.5 ressaltos, 3.2 assistências e 2.6 roubos de bola tendo sido umas das principais caras da temporada épica do Imortal Basket.

Justin Alston – A UD Oliveirense não começou a época da melhor maneira, porém, com o aproximar das decisões, a turma de Norberto Alves voltou a apresentar-se ao melhor nível e um dos principais destaques desta recuperação da UD Oliveirense foi Justin Alston. O poste foi dos que menos se encolheu e terminou a época com números muito positivos: 15.8 pontos, 7.1 ressaltos e 0.6 desarmes de lançamento por jogo.

Abertas as hostes com as menções honrosas, venha daí para o nosso Top 5 dos melhores jogadores a atuar na LPB na temporada 2020/2021.

Anúncio Publicitário

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome