O dia 15 de março deste ano foi o dia escolhido para três grandes jogos. O CAB Madeira defrontou o Vitória de Guimarães, o SL Benfica recebeu o Illiabum e, por fim, o duelo mais importante da jornada, o UD Oliveirense jogou frente ao FC Porto.

Para abrir as hostes desta jornada, o Vitória de Guimarães, quarto classificado, voou para terras madeirenses para defrontar o CAB Madeira, que se encontra em quinto lugar do grupo A. O jogo em si não surpreendeu. Esperava-se um jogo disputado e assim aconteceu. Durante o período regular, as duas equipas lutaram frequentemente pela vantagem no placar, porém, foi no último quarto que o CAB Madeira revalidou a vantagem e venceu a partida. Deste modo, o CAB Madeira fica apenas um ponto da equipa Vimaranense, que mantém o quarto lugar com 42 pontos.

Tommie Eddie num confronto efusivo debaixo do cesto
Fonte: Federação Portuguesa de Basquetebol

Já o segundo encontro, envolvendo o SL Benfica e o vencedor da Taça de Portugal, Illiabum, tomou outra direção. Após a equipa das águias ter perdido contra o Illiabum na final da Taça de Portugal, o SL Benfica decidiu ripostar e, como tal, o jogo foi de sentido único. Enquanto que na equipa comandada por Pedro Monteiro era liderada por Jeff Early, que marcou 20 pontos, o SL Benfica anulava o restante da equipa e a partida terminou com um incontestável 100 – 58.

O último jogo da jornada foi, incontestavelmente, o mais emocionante…. Mas apenas para o Oliveirense. O FC Porto parece ainda não ter descoberto um antídoto para a equipa de Oliveira de Azeméis e a prova disso foi o domínio completo dos vermelhos e azuis, que estiveram na frente do encontro durante os 40 minutos. O Oliveirense entrou muito forte na partida com um parcial de 9-0 e assim o manteve até ao final do primeiro período. A vantagem foi apenas reduzida para seis pontos ao intervalo. Na segunda parte do encontro, o FC Porto tentou reduzir a vantagem e tomar as rédeas do encontro com a diferença de um ponto no resultado, no entanto, o UD Oliveirense encarou o último período de melhor forma e foi capaz de aumentar a sua vantagem (recorde-se, vantagem esta desde o início da partida) para os dois dígitos. O Oliveirense venceu por 91-79 e afastou mais um pouco a possibilidade do clube portista se tornar campeão.

Foto de Capa: Federação Portuguesa de Basquetebol

Comentários