Cabeçalho modalidades

Na madrugada de quarta-feira os Golden State Warriors deram mais um passo rumo ao Anel com uma incrível vitória na Quicken Loans Arena, a contar para o terceiro jogo frente aos (ainda) campeões, Cleveland Cavaliers. Não foi um pequeno, mas sim um gigante passo, visto que nunca nenhuma equipa conseguiu inverter uma desvantagem de 3-0. Para além da aproximação do tão desejado título, os recordes não param de aparecer. Os californianos continuam imbatíveis e o impensável 16-0 está agora mais perto que nunca. História está a ser feita e pode acabar da maneira mais épica de sempre.

Num jogo intenso, a incrível prestação dos Cavs e a combinação de 77 pontos entre LeBron James (que foi o melhor marcador da partida) e Kyrie Irving não foi suficiente para parar os Warriors. A concentração e frieza da turma de Steve Kerr mostrou-se implacável e passou para a frente do resultado a 40 segundos do fim, graças a um grande triplo de Kevin Durant.

Pela primeira vez, o jogo foi equilibrado durante todos os períodos e nenhuma das equipas conseguiu uma vantagem significativa sobre a outra. No entanto, os Golden State quebraram mais um recorde e conseguiram tornar-se na equipa que mais triplos marcou num só quarto: nove.

Kevin Durant foi o melhor marcador da equipa com 31 pontos, 14 deles marcados no último quarto.  Fonte: Golden State Warriors
Kevin Durant foi o melhor marcador da equipa com 31 pontos, 14 deles marcados no último quarto.
Fonte: Golden State Warriors

No final da primeira parte os Warriors levavam vantagem de seis pontos sobre os anfitriões, que voltaram para o terceiro período prontos a inverter o resultado. Com uma atitude de campeão, os Cavs deram, de facto, a volta ao jogo e conseguiram abrir vantagem de 11 pontos sobre os visitantes.

Anúncio Publicitário

A garra dos Cleveland e a fome de vitórias dos Golden State culminaram num último quarto delicioso para qualquer fã de NBA. Os últimos 45 segundos de jogo foram de cortar a respiração. A perder por dois pontos, valeu o triplo de KD que permitiu à equipa de Oakland voltar à liderança do marcador. Depois de dois lançamentos livres a favor dos Warriors, os Cavs fizeram tudo o que podiam para, pelo menos, levar o jogo até ao prolongamento, mas, a apenas 12 segundos do fim, Andre Iguodala provou o porquê de ser um dos melhores defesas da liga, bloqueando um lançamento triplo de LeBron. A equipa de Lue não conseguiu, então, vencer a partida e permitiu ainda que os homens de Kerr acabassem por ganhar por cinco pontos. O jogo terminou, assim, 118-113.

Na noite de sexta para sábado as equipas voltam a encontrar-se para o quarto (e quem sabe último) jogo da final. Pode ser feita história por qualquer uma das equipas: Pelos Warriors caso vençam o quarto jogo, ou pelos Cavaliers caso consigam inverter uma desvantagem de três jogos.

Vê aqui o de Iguodala sobre James que deu a vitória aos GSW:

 Foto de Capa: The Guardian

 

Comentários