Luka Donĉić, o base esloveno de 20 anos que atua pelos Dallas Mavericks, sofreu, no passado sábado, uma forte lesão no tornozelo e pode pôr desfecho da época dos Mavericks em check.

Luka tem-se revelado uma peça fulcral no ataque dos Dallas Mavericks, jogando apenas a sua segunda temporada da NBA. O base esloveno têm liderado a equipa de Dallas a um forte arranque da temporada, levando a equipa ao topo da conferência Oeste, encontrando-se no terceiro posto da conferência. Com médias de 29.3 pontos por jogo, 8.9 assistências e 9.6 ressaltos, Luka tem comandado o ataques dos Mavericks, liderando a equipa a um recorde de 17-8, empatado para 5.º melhor recorde da NBA na presente época.

Luka tem sido o líder da equipa de Dallas, levando a equipa ao terceiro posto na conferência
Fonte: Dallas Mavericks

No entanto, a segunda opção do ataque dos Dallas, Kristaps Porzingis, tem vivido algumas dificuldades esta época. Postando apenas médias de 16.8 pontos por jogo, 1.4 assistências e 8.9 ressaltos, o extremo-poste lituano não tem vivido à altura das expectativas estipuladas no inicio da época. Passando despercebido no ataque de Dallas e com uma fraca eficácia de campo, apenas 39%, Porzingis não tem conseguido voltar à sua forma fluída de jogo que apresentou em Nova Iorque pelos Knicks.

Posto isto, o prisma da jovem equipa de Dallas seria jogar a partir de Luka, algo que tem demonstrado ter sido a melhor aposta da equipa. O jovem esloveno mostra ser um talento que aparece uma vez numa geração.

Contudo, no passado sábado, num jogo contra os Miami Heat, Luka, ao fazer uma entrada para o cesto, característica do seu estilo de jogo, torceu o tornozelo. A lesão é, à primeira vista, preocupante – fez até com que o jogador fosse imediatamente substituído, passado um minuto e quarenta do primeiro período. Luka falhou assim o resto do jogo e, um diagnóstico imediato aponta para que não seja algo de grave mas que irá afastar o jovem talento cerca de três semanas.

O problema é que, três semanas são alguns jogos (cerca de doze) e, com a agenda da NBA, pode fazer com que os Mavericks caiam do terceiro posto para o quinto ou até mesmo para o sexto! Num ataque em que tudo fluía por um só jogador, a equipa de Dallas enfrenta agora um desafio de conseguir obter a vitória sem o seu melhor jogador. Será que este período sem Luka irá fazer com que Porzingis volte a sua forma e “sinta” mais o jogo a passar nas suas mãos? Poderá ser uma lesão que vem por bem e que seja oportunidade para Porzingis poder acordar o seu verdadeiro jogo.

A equipa de Dallas encontra-se num bom período e, apesar de não ter Luka, conseguiu discutir a partida até ao ultimo segundo com a forte equipa de Miami. O período de Dallas sem Luka irá ser interessante para testar a equipa, tanto a nível colectivo como individual.

Foto De Capa: Dallas Mavericks

Revisto por: Jorge Neves

Comentários

Artigo anteriorO El Clásico está aí à porta: haverá descolamento?
Próximo artigoA lutar pela Europa: Os principais candidatos e os “outsiders”
Pratica desporto desde os cinco anos, idade em que começou a jogar Basquetebol. Jogou ao serviço da Associação Desportiva Ovarense durante 12 anos (nos quais três foi campeão distrital de Aveiro). É licenciado em Gestão (ensino em Inglês) pelo ISEG e estudante no Mestrado de Finance pela mesma instituição. Instituição pela qual ainda pratica Basquetebol, tendo conseguido chegar ao Top-8 Nacional em duas épocas consecutivas. É uma pessoa com uma paixão pela modalidade e com uma forte opinião sobre a mesma, sempre aberto a diferentes visões e novas experiências.                                                                                                                                                 O Vicente não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.