Cabeçalho modalidadesOs rookies têm a oportunidade de provar o seu valor na Summer League e alguns conseguiram mesmo fazê-lo. No entanto, ter um lugar no cinco inicial não está ao alcance de qualquer um, e por diversas razões. Um novato que tenha sido escolhido por uma equipa como os Warriors ou os Spurs, por exemplo, só conseguirá começar na equipa titular graças a um milagre (milagre esse que por norma é a desgraça de um outro jogador – uma lesão).

Falando em oportunidades milagrosas, surge-me Jayson Tatum. O jovem de 19 anos foi escolhido pelos Boston Celtics no draft. A qualidade do ala nunca foi posta em questão, mas, com Gordon Hayward em campo, a sua posição seria sempre o banco. O experiente jogador dos Celtics sofreu, como todos sabemos, uma grave lesão no primeiro jogo da temporada frente aos Cavaliers de LeBron, e o azar de Hayward foi a sorte de Tatum. O rookie tem agora muito mais oportunidades de mostrar o seu valor sem nenhum veterano a fazer-lhe sombra. Jayson Tatum até pode não ser o principal candidato ao título Rookie Of The Year, mas o seu futuro parece ser um dos mais promissores. Neste momento, o ala conta com uma média de 14,8 pontos por jogo. Nada mau para um “puto”.

Um dos rookies que mais tem chamado a atenção, mesmo antes de ser draftado, é Lonzo Ball. O jovem é tema de conversa desde que o seu pai chegou à imprensa com declarações incrivelmente ridículas (para não dizer mais). Famílias à parte, Lonzo, agora com 20 anos, foi escolhido pelos LA Lakers e, pessoalmente, não poderia haver melhor equipa para o mesmo. Numa franquia jovem e com um futuro em construção, o armador tem todas as condições para assumir (como assumiu) um lugar no cinco inicial e desenvolver todo o seu potencial. Logo no seu primeiro jogo, Lonzo ficou apenas a uma assistência de conseguir fazer um triplo-duplo, marca que seria quase inacreditável; infelizmente não conseguiu. No entretanto o jogador já quebrou um recorde e, como não gosta de pequenos feitos, quebrou, nada mais nada menos, que um recorde que pertencia ao Magic Johnson. Ball, com 19 anos, foi o mais novo jogador dos Lakers a fazer um número de assistências com dois dígitos; 13 foi a marca, ultrapassando, assim, o mítico Johnson. Lonzo Ball é, para mim, o mais forte candidato a Rookie Of The Year, mas isso já vos tinha dito num passado artigo.

Lonzo começou bem a época, mas será capaz de manter o registo? Fonte: Bleacher Report
Lonzo começou bem a época, mas será capaz de manter o registo?
Fonte: Bleacher Report

O terceiro e último “miúdo” do qual vos quero falar é Dennis Smith Jr. Nona escolha do draft e escolhido pelos Dallas Mavericks, estreou-se da melhor maneira possível. Logo no seu primeiro jogo, o armador fez, nada mais nada menos, que um duplo-duplo, tornando-se assim no mais novo de sempre a fazê-lo. Até ao momento, o jovem conta com 50% de eficácia nos lançamentos e, pelas suas exibições, mostra-nos que está pronto para fazer uma época fenomenal.

Olhando para este arranque de temporada diria que, se nada se alterar, Lonzo Ball terá um adversário à altura: Dennis Smith Jr.

Anúncio Publicitário

Foto de Capa: marketwatch.com

Revisto por: Vítor Miguel Gonçalves