Cabeçalho modalidadesOs últimos dias do interminável mês de Janeiro ficaram marcados por uma série de acontecimentos. Desde novos recordes até polémicas, durante a última semana houve tempo para tudo.

Comecemos com um dos possíveis MVP’s:  James Harden. Em Filadélfia, os Rockets venceram a equipa da casa (que tem vindo a subir o seu rendimento), por 123-118. O “barbudo” marcou 51 desses 123 pontos e ficou apenas a dois do seu recorde pessoal. Incrivelmente, nos últimos oito minutos da partida marcou uns magníficos 17 pontos. Exibição deliciosa de Harden, como sempre, mas o número de bolas encestadas não foi o melhor da noite. O camisola 13 da equipa de Houston fez o seu 14º triplo-duplo da temporada e tornou-se no primeiro jogador da NBA a fazer dois triplos-duplos com mais de 50 pontos na mesma temporada. James Harden fez história e promete continuar a fazê-la. Quem o tira da corrida ao título de MVP precisa de prestar mais atenção.

No passado domingo, houve festa em Atlanta, onde os Hawks defrontaram os Knicks. A equipa da casa levou a melhor sobre os homens de Nova Iorque, vencendo-os por 142 – 139, após… quatro prolongamentos! Mais de 60 minutos jogados, 281 pontos marcados e luta até ao fim. Foi um jogo intenso que merece ser visto e revisto. Carmelo marcou 45 pontos, mas os 37 de Philip Millsap levaram a melhor e foram fundamentais na vitória dos Atlanta.

[ot-video type=”youtube” url=”https://www.youtube.com/watch?v=QaY42450C0I”]

Já a “estrela mimada” (segundo Charles Barkley) de Cleveland, depois de se envolver numa troca de palavras com o antigo jogador e agora comentador, volta a fazer história. LeBron, após ser acusado de ser, então, uma “estrela mimada” (na sequência da baixa de rendimento dos Cavaliers), não poupou Barkley: “Não fui eu que atirei alguém de uma janela. Não fui eu que cuspi numa criança. Nunca tive dívidas por pagar em Las Vegas.” Apesar da troca dura de palavras, James respondeu da melhor maneira. Depois da vitória frente aos OKC, o King entra para a história como o primeiro homem da atual equipa campeã a marcar mais de vinte mil pontos. LeBron James é agora o oitavo melhor marcador da sempre da NBA.

Para terminar em grande, na falta de palavras para descrever o senhor Curry, deixo-vos o vídeo de um dos pontos altos da última semana:
[ot-video type=”youtube” url=”https://www.youtube.com/watch?v=IjGYgB9ADY8″]

 

Foto de capa: houseofhouston.com

Artigo revisto por: Francisca Carvalho

Comentários