Anterior1 de 2Próximo

Cabeçalho modalidadesSe existe circuito que gosto de ver, é realmente o da Áustria, não é por acaso que a Redbull escolheu para patrocinar o evento, passando a ser o circuito da Redbull Ring.

É que para além de ser um circuito rápido, é um circuito para pilotos inteligentes, não só para ultrapassar como para não ser ultrapassado. E hoje, a sorte sorriu para o piloto que foi inteligente a defender, contra aquele que estava a ser inteligente a atacar. Sempre me disseram que era mais fácil responder que criar situações, hoje foi o caso.

Quando se pensava que mais uma vez os pneus iam ser os protagonistas, surgiu um Dovizioso bastante inteligente a levar a Ducati de forma perfeita volta após volta. Apenas importunado por um endiabrado Marquez, que cada vez mais parece estar a voltar à sua forma normal, de faca na boca, com a moto à sua maneira desenfreada, sempre a lutar até à última. Que corrida, não no sentido de ter existido bastantes ultrapassagens, porque apesar de Lorenzo ter saído de 3º para primeiro logo no arranque e ter aguentado na frente até existirem 17 voltas para o final, em que Marquez passa para primeiro, numa ultrapassagem a 3, porque Dovizioso também se intrometeu para tentar sair em primeiro mas acabou apenas em segundo.

Uma Honda no meio de duas Ducatis Fonte: Moto GP
Uma Honda no meio de duas Ducatis
Fonte: Moto GP

Estava o mote dado para se começar a pensar que apesar das Ducati em retas serem mais rápidas, Dovi tinha um pneu soft atrás contra um pneu hard do Marquez, logo íamos perceber que iria um equilíbrio total ao longo de cada volta.
Sensivelmente a meio da corrida, exista um Marquez líder e bastante confiante com a moto toda desenfreada como bem gosta, um Dovi que se sentia que ia estudando o espanhol, um Lorenzo que apesar do ritmo inicial percebia-se que ia perdendo fulgor, um Pedrosa que parece ter voltado ao seu ritmo, um 5º lugar para um fantástico Zargo, Viñales e Rossi, que apesar do ritmo inicial do italiano estando mesmo em 4º a lutar pelos primeiros lugares um erro fez ficar atras deste grupo inicial.

E estávamos na parte inteligente da corrida, Pedrosa consegue ultrapassar Lorenzo e ansiava que o seu companheiro de equipa conseguisse ultrapassar Dovizioso para conseguir ganhar terreno a ambos. E assim foi, erro de Marquez, Dovi passa, Marquez responde, Dovi novamente, Marquez e Dovi novamente, até à última volta.

Anúncio Publicitário

Parecia tudo destinado, Dovizioso estava a fazer uma corrida extremamente inteligente, aproveitando o arranque e a velocidade de ponta, travando tarde, e abrindo sempre a curva para não deixar oportunidade de Marquez que apesar de travar ainda mais tarde, conseguir ultrapassar por fora. Até que, na penúltima curva com Marquez coladíssimo na Ducati, tenta passar por fora, Dovi abre, o espanhol sabia mas tinha de tentar e tenta meter a moto por dentro na última curva, quando ninguém esperava e consegue passar, mas tem de abrir e Dovizioso consegue recuperar a posição.

Ultima volta, ultima curva Fonte: Moto GP
Ultima volta, ultima curva
Fonte: Moto GP

Provavelmente a corrida mais inteligente que vi nos últimos tempos, em grande Dovizioso, Pedrosa acaba no último lugar do pódio, e todos os outros conseguem manter as posições.

#04 Andrea Dovizioso Fonte: Moto GP
#04 Andrea Dovizioso
Fonte: Moto GP

Com isto, Márquez fica cada vez mais líder com 174 pontos, agora com Dovizioso em segundo com 158 pontos, Viñales em 3º com 150 pontos.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários