Cabeçalho modalidadesEm todas as categorias, vitória de pilotos italianos. Dovizioso em Moto GP, Pasini em Moto 2 e Migno em Moto 3.

Depois de um início de dia nada famoso para Dovizioso, que inclusive abdicou do primeiro Warm Up do dia, em que teve uma intoxicação alimentar, o mesmo voltou a dar uma vitória para a Ducati no circuito de Mugello. Foi inclusive o primeiro italiano a vencer o Grande Prémio de Itália com a Ducati.

moto gp
Início de corrida fantástica com bastantes trocas de posições
Fonte: MotoGP

Foi um início de corrida bastante emocionante, onde até Lorenzo, que acabou em 8.º lugar, chegou a liderar.
Valentino Rossi, para alegria dos milhares de fãs que marcaram presença, teve um arranque fantástico, e também andou lá na frente, mas acabou fora do pódio, em 4.º lugar. Teria sido a loucura se pelo menos tivesse conseguido subir ao 3.º, mas a velocidade de ponta das Ducatis não deram qualquer hipótese. Viñales ainda conseguiu o 2.º lugar depois de ultrapassar Petrucci, que, com uma Ducati não oficial, obteve o 3.º lugar.
Batista acabou por ser mais uma surpresa ao ficar à frente de Marc Marquez, no 5.º posto. Dani Pedrosa acabou por cair e levar consigo Crutchlow e com isso perdeu o 2.º lugar do mundial.

Viñales mantém o primeiro lugar, com 105 pontos, agora mais 26 pontos que Dovizioso e mais 30 pontos sobre o 3.º lugar, que é de Valentino Rossi.

Momento emotivo do dia: os 69 segundos de silêncio em memória de Nicky Hayden.

Rossi também levou mais uma vez o capacete personalizado, desta vez com referências a Hayden – com a fusão do seu número 46 com o número 69 de Hayden -, ficando no capacete com 469, mas também a Francesco Totti, que aos 40 anos de idade se aposentou ao fim de representar durante 20 anos a Roma, com a frase “mo je faccio er cucchiaio”, que foi proferida por Totti quando marcou o penálti “à Panenka” no Europeu de 2000 contra a Holanda. Atrás também diz “Un capitano… C´è solo un capitano!”, o cântico dos adeptos da Roma aquando do seu último jogo.

 

capacete valentino rossi
O capacete de Valentino Rossi
Fonte: Valentino Rossi

Miguel Oliveira não foi além do 5.º lugar, apesar de ter efectuado uma parte final de corrida bastante interessante. Não sei se a mudança para estes novos pneus vai ajudar à luta do nosso piloto porque, relembramos, está num projecto muito inicial e tem de estar sempre a melhorar. Com este resultado Oliveira fica com 70 pontos e mantém o 4.º lugar na classificação, com menos oito pontos que o 3.º classificado, Alex Márquez. Morbidelli mantém a liderança, com 113 pontos, e Luthi o segundo lugar, com 100 pontos.

O grande prémio que se segue é na Catalunha, já no próximo fim-de-semana.

Foto de Capa: MotoGP

Comentários