O Mundial de motociclismo viajou, este fim-de-semana, até à Tailândia naquele que é o primeiro grande prémio da gira asiática antes do final da temporada. 

Na classe rainha, Marc Márquez (Honda) voltava à ‘pole position’ e a liderar a grelha de partida para a corrida deste domingo; já Jorge Lorenzo decidiu não competir depois de uma forte queda nos treinos livres de sexta-feira. Durante as primeiras voltas, Valentino Rossi (Yamaha) levou a melhor sobre os rivais diretos: Marc Márquez e Andrea Dovizioso (Ducati). 

Mas a verdade é que o piloto italiano da Yamaha continua com problemas na sua M1, e acabou por perder a liderança da corrida após uma ultrapassagem de Andrea Dovizioso e Marc Márquez. O grupo da frente era bastante compacto e nenhum dos três primeiros conseguiu distanciar-se do resto do pelotão, ainda que a luta pela vitória estivesse reservada, mais uma vez, a dois pilotos.

À semelhança dos últimos grandes prémios, a corrida deste fim-de-semana foi pouco animada. A luta pela vitória entre Marc Márquez e Dovizioso só começou quando faltavam quatro voltas para a bandeirada de xadrez. 

Dovi e Márquez num duelo épico
Fonte: MotoGP

Os pilotos trocaram várias vezes de posições, com o italiano da Ducati a levar a melhor sobre o espanhol Márquez, que se mostrou bastante calmo ao longo da corrida. Pelo terceiro lugar, andava Maverick Viñales que também tentou dar o ar da sua graça e intrometer-se na luta pela vitória mas sem qualquer sucesso. 

Marc Márquez e Andrea Dovizioso guardaram o melhor para o final da corrida e travaram, mais uma vez, um duelo de outro mundo. Num jogo de ultrapassagens, o piloto da Honda acabou por levar a melhor sobre o italiano na última curva antes da recta da meta e alcançou mais uma vitória neste mundial de motociclismo. Maverick Viñales fechou o pódio deste grande prémio.

Márquez voltou a mostrar a sua estratégia: estudou o adversário ao longo da corrida e atacou o primeiro lugar, apenas nas últimas voltas da corrida. O espanhol lidera o mundial com 271 pontos, seguido de Dovizioso com 194 pontos. 

Oliveira continua na luta pelo título de campeão
Fonte: Red Bull KTM Ajo

Na categoria de Moto2, o português Miguel Oliveira voltou a dar que falar e a proporcionar mais uma corrida bem ao seu estilo: luta intensa com os adversários até ao final. Oliveira alcançou o terceiro lugar na Tailândia após um duelo épica com ‘Pecco’ Bagnaia, e acabou a lutar pela segunda posição na última curva com Luca Marini. Bagnaia venceu mais uma corrida e reforçou a liderança no mundial.

Foto de Capa: Moto GP

Comentários