PlayStation. Quem nunca jogou? Quem nunca teve uma? A caminhada da SONY pelo mundo dos videojogos começou há imenso tempo e quem diria que a “saga” iria desenvolver-se de uma forma tão popular. Falar do mundo virtual é falar obviamente de PlayStation e, depois do último lançamento da PS4 (em 2014), 2020 ficará marcado pela pandemia, mas também pelo lançamento da tão aguardada PlayStation 5 com duas horas de muita emoção.

Há muito já se falava no lançamento da nova consola da SONY e a junção de várias vozes criou aquilo que todos queríamos: «Welcome to the PlayStation 5», que nos abriu a porta para o futuro. A nova PlayStation ganhou uma nova vida em branco, mas com o preto e os detalhes em azul a conjugarem numa estrutura perfeita. Esta nova versão será na vertical, porém, pode também estar na horizontal, e terá duas versões com a Digital Edition, sem ainda grandes detalhes quanto ao preço.

E JOGOS?

Quanto a jogos, vamos às expetativas elevadas e “negativas”, pelo menos à primeira vista. O factor dominante nas promos, e algumas gameplays, são os excelentes gráficos e também algumas histórias excelentes e novas, a que poucos de nós estamos habituados. Porém, podemos dizer que foi um saldo muito positivo.

Anúncio Publicitário

A livestream da PlayStation começou com o grande jogo Grand Theft Auto V, da Rockstar Games, que não contou nada de novo. Já sabemos que a Rockstar demonstra que a imaginação dos seus criadores não tem limites, contudo, para aqueles que querem muito o Grand Theft Auto VI (GTA VI) vão ter de esperar, pois certamente teremos nesta nova geração o jogo. Possivelmente, as DLC’s serão a grande aposta da empresa Rockstar, que não vai apostar no tão esperado GTA VI – se é assim que se irá chamar.

Para os fãs de automóveis e de simuladores, Gran Turismo 7 também foi anunciado nesta apresentação da PlayStation com algumas novidades e uma gameplay inacreditável. Para quem também gosta do mundo da Marvel e dos super-heróis, acabou por ser apresentado Spider-Man Miles Morales, que sairá ainda este ano.

Com início em 2002 na Playstation 2, Ratchet and Clank vai estar também nesta nova consola com Rift Apart. Com novidades muito interessantes, principalmente o facto de conseguir “abrir” portais para um mundo completamente novo. Para quem já está habituado aos mundos existentes em Ratchet and Clank terá, certamente, de se ajustar a um novo, contudo, estarão muito bem servidos.

O segundo foi lançado em 2018, mas será ainda preciso esperar mais alguns meses, mais precisamente seis meses (Janeiro), para o Hitman III. A personagem inconfundível não passou despercebida na apresentação do jogo e termina com a frase “death awaits” (“a morte espera”) e nós ficaremos à espera de mais um grande jogo por parte da IO Interactive.

Já não é novidade nenhuma que chega o mês de Setembro e saem sempre jogos de desporto e foi a vez da 2K dar “um cheirinho” de NBA 2K21. Os amantes de Basquetebol vão ter de ficar com o Zion Williamson, dos ‎New Orleans Pelicans, como grande protagonista do jogo. O grande realismo foi pouco mostrado, mas, em 2020, está perto de ter mais um grande jogo, tal como a 2K já nos tem habituado com a NBA.

Falta-nos falar do jogo que tem surpreendido todos aqueles que estavam a ver a livestream: VIlIage Resident Evil. Com uma promo que pouco fez lembrar o jogo e muitos devem ter pensado noutro tipo de jogos. As criaturas sobrenaturais às quais estamos habituados e o suspense vão voltar ao “pequeno ecrã” com Resident Evil, que só voltará em 2021.

Com outro slogan (“Play has no limits“), a SONY com a sua PlayStation vão presentear-nos com algo que nunca esperámos ver tão cedo, mas a verdade é que vai acontecer. Uma nova sensação de jogo cada vez mais digital. Para aqueles que jogaram a mítica PlayStation 1 (lançada em 1994) estarão, sem dúvida, num mundo completamente novo. «Sejam bem-vindos à PlayStation» e à nova realidade dos video-jogos.

Foto de Capa: PlayStation

Artigo revisto por Inês Vieira Brandão

Comentários