Anterior1 de 3Próximo

A jornada 23 da série A do Campeonato de Portugal reservou a visita de Lenno ao terreno da AD Limianos. Micka e Cláudio Dantas regressaram ao onze limiano e Rui Magalhães voltou a relegar João Nogueira para o banco. Do lado da Juventude de Pedras Salgadas, Lenno voltou ao onze, assim como Rui Jorge, que rendeu Alex Machado.

Separados por apenas cinco pontos, previa-se um encontro mais dividido do que se verificou, uma vez que a manutenção está longe de estar resolvida. Os primeiros minutos confusos e intensos conheceram alguma ordem e critério aos 10 minutos, quando Lenno deu o melhor seguimento a um livre lateral e cabeceou, sozinho, para o golo.

Os da casa demoraram a voltar ao jogo, mas quando o fizeram, podiam ter empatado na primeira vez que chegaram à baliza, como tinham feito os visitantes. Aos 25 minutos, Rui Magalhães convidou Vítor Sousa ao sprint pela esquerda e o cruzamento saiu de primeira para o segundo poste, onde apareceu Nandinho a errar escandalosamente o alvo.

Apenas três minutos depois, Cláudio Dantas, de pé esquerdo, descobriu Samate na área, que falhou a emenda. Na recarga, Micka rematou forte por cima.

Cinco minutos mais tarde, depois da meia hora de jogo, e materializando a clara superioridade limiana, Samate empatou a partida. Mailó ganhou a bola nas alturas, investiu desenfreadamente pela direita, cruzou rasteiro e o camisola ‘20’ só teve de encostar.

A esta altura, o Juv. Pedras Salgadas limitava-se a destruir as iniciativas contrárias e a sair para o ataque apenas com certezas. Foi o que aconteceu aos 41 minutos, quando Bean negou o golo a Rafinha, e aos 45, quando Lenno deu o melhor seguimento ao cruzamento rasteiro do mesmo Rafinha e levou a sua equipa em vantagem para o intervalo.

Rui Capela foi outra das figuras do Juv. Pedras Salgadas, juntando a duas boas intervenções a defesa de uma grande penalidade
Fonte: Ricardo Brito

A segunda parte prometia mais golos, o que realmente se verificou. Aos 51 minutos surgiu nova figura na tarde de domingo: Rui Capela negou o golo cantado do empate ao parar o cabeceamento de Mailó, depois de cruzamento na esquerda de Vítor Sousa.

Três minutos depois, com a equipa da casa totalmente inclinada para a ‘remontada’, Samate perdeu a posse e Rafinha encontrou nas costas de Cláudio Dantas a oportunidade de coroar uma boa exibição com novo golo para os visitantes. Bean não fez tudo o que estava ao seu alcance e não conseguiu parar o remate cruzado do avançado português.

Com a AD Limianos perdida em campo desde o rude golpe do 1-3, a Juv. Pedras Salgadas fez o que lhe cabia e ampliou a vantagem. Três minutos depois, no meio da confusão bem no centro da área, Lenno aproveitou uma bola perdida e rubricou um hat-trick mesmo antes de ser substituído. Foi um regresso glorioso do brasileiro ao relvado do Estádio Municipal do Cruzeiro.

Até ao final da partida, a equipa de Pedras Salgadas soube aguentar a vantagem, ditou o ritmo da partida, queimando segundos aqui e ali. Os da casa, com o objetivo de pontuar cada vez mais longe, tentavam aproximações espontâneas à baliza adversária, mas de novo se erguia Rui Capela no caminho do golo.

Aos 70 minutos, negou o golo por duas vezes, na sequência de um lançamento lateral, e aos 77, segurou o penálti de Luan Sérgio. Aos 80 minutos, voltou a parar as intenções de Luan, desta vez de livre direto. No último lance de perigo, Mailó amorteceu o cruzamento de Cláudio para o remate de Iano à figura.

Destaque para o segundo penálti falhado pelos Limianos em duas jornadas consecutivas, em alturas que davam o empate na partida, e para a aparente retoma da forma da Juv. Pedras Salgadas, que leva duas vitórias consecutivas frente a dois adversários diretos.

 

 ONZES INICIAIS E SUBSTITUIÇÕES:

AD Limianos: Bean; Nandinho (Iano, 55’), Cláudio Borges, Touré e Vítor Sousa; Micka, Luan Sérgio e Rui Magalhães (João Nogueira, 63’); Cláudio Dantas, Samate (Elivelton, 75’) e Mailó.

Juventude Pedras Salgadas: Rui Capela; Miguel Carreira, Rafa, Lamine e Carlos Freitas; Zé Lopes, Danilo (Alex, 73’), Luis Neves e Rui Jorge; Rafinha (Pedro Silva, 73’) e Lenno (Miguel Lima, 73’).

Anterior1 de 3Próximo

Comentários