Anterior1 de 3Próximo

O Clube Oriental de Lisboa continua lançado na luta pelos lugares de playoff: num dérbi lisboeta nem sempre bem jogado, foram os orientalistas a levar a melhor sobre o Casa Pia AC, naquele que é o 11.º jogo sem perder dos marvilenses.

João Silva e Luís Loureiro fizeram duas alterações nas equipas, com o Oriental a lançar Vitor Sanches e Ruizinho para os lugares de Élsinho e David Crespo, enquanto o Casa Pia jogou com Abel Pereira e Jean Victor nos lugares de Carlitos e Wilson Silva.

Com futebol disputado e muito físico na primeira parte, foi o Casa Pia o primeiro a visar a baliza, com um remate de fora da área de Tom, mas a bola foi fraca e fácil para David Grilo. Já na grande área contrária, os vários atrasos para o guarda-redes eram respondidos por uma pressão forte dos atacantes do Oriental, mas acabaram por não surgir consequências para os visitantes.

Apesar de lhes pertencer a primeira oportunidade de perigo, os forasteiros foram desaparecendo do jogo enquanto o Oriental aproveitava para aproximar-se da baliza de Ricky Gomes, primeiro com Varudo a atirar de fora da área, mas a bola foi frouxa e o guarda-redes do Casa Pia agarrou com facilidade. Depois foi Raul Avinte, aos 15 minutos , a aparecer nas alturas e a cabecear após um canto na direita, mas a bola saiu ligeiramente por cima da baliza.

Após o quarto de hora as oportunidades de golo começaram a escassear, com o jogo a entrar num ciclo faltoso e menos agradável, como resultado, Ruizinho viu um amarelo por falta a meio-campo, enquanto João Damil saiu lesionado aos 38 minutos, substituído por Luís Lucas.

Perante a falta de ideias que assolou as duas formações durante grande parte do primeiro tempo, pouco perigo criou-se desde os 15 minutos, apenas destacando-se um remate muito denunciado de fora da área de Miguel Bandarra à baliza do Oriental, mas David Grilo recolheu sem dificuldades. Já nos descontos foi Luís Lucas, num cruzamento-remate que surpreendeu a defensiva do Casa Pia, mas Ricky Gomes respondeu com uma grande defesa, mantendo o nulo com que o jogo chegou ao intervalo.

O Oriental somou o 11.º jogo sem derrotas
Fonte: Clube Oriental de Lisboa

Para o segundo tempo, Luís Loureiro lançou Wilson Silva no lugar de Tom, mas pouco mudou no futebol dos Gansos, apesar da primeira oportunidade da segunda parte pertencer aos visitantes, num remate de fora da área de Miguel Bandarra a sair ao lado.

De resto, o futebol apresentado pelas duas equipas não foi apelativo, com muito pontapé para a frente e o perigo a não rondar nenhuma  das balizas, com o único lance a merecer registo a ser um livre a 30 metros da baliza de Márcio Augusto, que saiu à figura do guarda-redes.

Perante a falta de criatividade da sua equipa, João Silva lançou Rúben Gouveia aos 68 minutos, numa decisão que deu frutos cinco minutos mais tarde: Fábio Arcanjo lançou o médio e o veterano de 33 anos, com classe, picou a bola sobre o guarda-redes, inaugurando o marcador para os Guerreiros de Marvila.

O golo motivou o Oriental e aos 81 minutos podia ter-se adiantado no marcador, com Henrique, recém-entrado, a rematar para defesa de Ricky Gomes para a frente, mas Landim, na recarga, atirou muito por cima. Já o Casa Pia, em desvantagem, continuava a ter problemas de criatividade na frente e  só de bola parada assustou David Grilo, num desvio após um canto, mas a bola não levou a direção da baliza e acabou despachada pela defensiva local.

Já a jogar com dez, após Bruno Simão ver os segundo amarelo, o Casa Pia ainda contou com uma última oportunidade ao cair do pano, com Miguel Bandarra, mais uma vez, a atirar de fora da área, em arco, mas a bola bateu na barra, suspirando de alívio o Oriental, que conseguiu mesmo somar mais uma vitória e seguir para as últimas oito jornadas em 2.º lugar com 55 pontos, além de ir já com 11 jogos sem perder. Já o Casa Pia mantém o 7.º lugar, mas agora a 15 pontos dos lugares de playoff.

ONZES INICIAIS E SUBSTITUIÇÕES:

Clube Oriental Lisboa: D. Grilo, J. Damil (L. Lucas, 38’), R. Avinte, Leonardo, J. Varudo (H. Gomes, 76’), R. Marques, Ruizinho, F. Arcanjo, Márcio Augusto (R. Gouveia, 68’), N. Landim.

Casa Pia AC: R. Gomes, I.Dias, B. Simão, A. Pereira, D. Rosa, Tom (W. Silva, 46’), J. Coito, Kikas, J. Victor (A. Lopes, 61’), M. Bandarra, J. Embaló.

Anterior1 de 3Próximo

Comentários