MÉDIO CENTRO

SC Braga

Fransérgio (SC Braga) – na minha opinião, este é um dos casos mas flagrantes de falta de reconhecimento. Chegou ao CS Marítimo em 2014, oriundo do Internacional de Porto Alegre. Depois de três épocas como titular no clube insular, o médio brasileiro rumou ao continente para representar o SC Braga, onde estava a desempenhar um papel preponderante na equipa de Abel Ferreira até se lesionar com gravidade. A meu ver, Fransérgio tem tudo aquilo que um box-to-box deve ter e tem capacidade para vingar em qualquer um dos três grandes.