4.

Fonte: UEFA

Mais respeito entre clubes – O ano de 2018, em Portugal, no que toca ao desporto, ficou marcado pelas polémicas fora dos relvados. Foi um ano de trocas acesas de palavras, de violência, de desrespeito entre clubes. Ainda que não seja uma generalidade entre todos os clubes, o que é certo é que foi um ano negro, neste sentido, para o futebol em Portugal. Não se pede que todos sejam amigos. Não existem cenários demasiado coloridos. Não há, infelizmente, espaço para que isto aconteça. Há espaço, sim, para o respeito entre os clubes. Por uma transmissão daqueles que devem ser os valores primordiais do futebol: o respeito, a partilha, o fair play. Que o vento não leve estas palavras e que se semeie, principalmente, o amor pelo futebol, tal como ele é, puro.