Em noite da famosa “Black Friday” e com o fim de semana a passos largos, o Estádio de S. Miguel abriu as portas a mais uma jornada da I Liga. Defrontaram-se hoje o CD Santa Clara, o décimo primeiro classificado da tabela classificativa, e o Boavista FC, que se encontra em quinta posição, numa disputa pelos 3 pontos.

Ninguém previa um início assim. Rafael Costa inaugura o marcador logo ao primeiro minuto da partida. Este golo acabaria por fazer a equipa da casa acusar alguma pressão. No entanto, esta nunca se rendeu tentando sempre que possível chegar à baliza da equipa contrária.

A pouca sorte dos vermelhos e brancos, manteve-se. Aos 24 minutos, Carraça apontou a redondinha para as redes de Marco Pereira, este numa tentativa de a afastar,  sofreu um ligeiro desequilíbrio acabando por transpor a linha de golo fazendo, assim, o segundo golo da partida.

Ao cair do pano no intervalo, o Santa Clara ainda tentou apontar a bola para a baliza do Boavista, mas sem sucesso, deixando assim a equipa visitante em vantagem.

Anúncio Publicitário
Apesar do golo na 2ª parte da partida, não foi o suficiente para igualar o marcador
Fonte: Bola na Rede

Na segunda parte da partida, Osama Rashid veio inspirado e tenta a sua sorte atirando a bola para a baliza de Bracali, mas esta acaba por sair ao lado. Mais tarde, aos 54 minutos, Rashid remata novamente à baliza mas sem sucesso, deixando apenas a vontade de marcar à vista.

A entrada de Ukra veio dar mais fio de jogo à equipa da casa, que se se destacou nesta segunda parte. O iraquiano, Osama Rashid, voltou a ameaçar a baliza da formação axadrezada, aos 79 minutos, apesar da vontade esta  entrou.

A fome de golo continuava à vista de qualquer adepto e viria a se concretizar aos 85 minutos, através de César que equilibra o resultado.

A equipa da casa ainda tentou chegar mais perto das redes de Bracali, até mesmo deixando alguma inquietação a estes. Mas não foi suficiente para vencerem a partida.

ONZES INICIAIS E SUBSTITUIÇÕES:

CD Santa Clara: Marco Pereira, Zaidu Sanusi, João Afonso, César Martins, Rafael Ramos (G. Schettine 66’), Carlos Jr., Osama Rashid, Francisco Ramos (Ukra 56’), Nené (Licoln 45’), Zé Manuel, Thiago Santana.

Boavista FC: Bracali, Dulanto, Ricardo Costa, Neris, Carraça, Ackah, Rafael Costa, Fabiano, Stojiljkovic , Heri (Obiora 78’), Paulinho (Yusupha 84’).