Anterior1 de 3Próximo

Depois de algumas polémicas envolvendo a equipa açoriana, o Santa Clara recebeu, venceu e convenceu diante do Sporting B, ao vencer por 4-0. A equipa de Carlos Pinto mostrou desde início para o que vinha e a goleada justifica-se, num jogo em que pouco ou nada se viu dos jovens leoninos.

A partida começou com o Santa Clara a pressionar muito alta e aproveitar algumas dificuldades na construção de jogo por parte do Sporting B. A equipa insular ia acumulando boas ocasiões de golo e aos 20 minutos de jogo chegaria mesmo ao golo. Na sequência de um canto, a bola sobra para Thiago Santana, que ao segundo poste só teve de encostar para o primeiro da partida. Cerca de dez minutos depois do primeiro golo, lance de alguma polémica na partida.

No espaço de três minutos, Fernando Andrade é expulso ao ver dois cartões amarelos por protestos, uma decisão que causou alguma estranheza e que se revelou injustificável. Ainda assim, o Santa Clara não acusou a expulsão e aos 35 minutos, na sequência de nova bola parada, João Reis faz o segundo da partida, acabando por estabelecer o resultado que iria acompanhar as duas equipas para os balneários.

Na segunda parte o Santa Clara baixou o ritmo de jogo e acabou por dar maior liberdade para o Sporting B poder construir jogo. Uma prenda claramente envenenada, visto que o Santa Clara aproveitava assim para usar os espaços nas costas da defensiva leonina. O Sporting B tentava atacar mas sem grande sucesso. A entrada de Kennedy Có ainda mexeu com a partida, ainda assim a equipa de Luís Martins nunca conseguiu materializar a posse de bola nesta segunda parte.

O Santa Clara aproveitou esta inoperância da equipa leonina e ao minuto 73 foi Minhoca, a sacar de um coelho da cartola e a fazer o terceiro da partida. Minutos depois, na sequência de uma grande penalidade, Clemente faz o quarto da partida e o golo 50 ao serviço da equipa micaelense.

A partir do quarto golo no jogo, pouco mais se passou em campo. O Santa Clara volta à liderança, de forma justa, com um futebol ofensivo, de posse e de muita qualidade perante um Sporting B que demonstrou demasiada apatia.

Anterior1 de 3Próximo

Comentários