BnR NA CONFERÊNCIA DE IMPRENSA

BnR – No início do segundo tempo, retirou um defesa-central e colocou um ponta de lança. Isso foi o reconhecer que a opção dos três centrais falhou?

Floris Schaap – Temos sofrido muitos golos com a defesa a quatro. Apostámos nos três centrais porque o Arouca joga em 4-4-2, com dois pontas de lança muito fortes. Não correu mal, deu algum resultado, mas sofremos aquele golo no primeiro tempo e fui forçado a mudar.

BnR – Depois de uma primeira parte bem conseguida, a equipa baixou um pouco de produção. Foi estratégico?

Quim Machado – A primeira parte foi de domínio total. Marcámos um golo e podíamos ter feito mais. Na segunda, demos um bocadinho a iniciativa ao adversário; tivemos que recuar um pouco devido às dificuldades que o nosso adversário criou com os dois pontas de lança. Mas oportunidades flagrantes não tiveram. O 2-0 podia ter chegado mais cedo, mas a vitória é justa. A prioridade era ganhar. Fizemos dois golos e ficamos em vantagem no confronto direto.

Foto de Capa: Bola na Rede

Anúncio Publicitário