Natural de Primeiro de Maio – uma pequena e remota cidade do estado do Paraná – Lucas Queiroz Canteiro tinha apenas 14 anos quando se mudou para Londrina – a segunda maior cidade do estado, em termos populacionais. Para integrar as camadas jovens do Londrina Esporte Clube, um emblema que, paralelamente ao crescimento vivenciado nos últimos anos, tem sabido potenciar alguns bons valores do futebol brasileiro, como são os casos de Wendell (lateral esquerdo do Bayer 04 Leverkusen), ou de Joel Tagueu, avançado camaronês (tem, também, cidadania brasileira) que se notabilizou, durante as duas últimas temporadas, ao serviço do CS Marítimo.

No LEC, ou Tubarão, alcunha pela qual é conhecida a turma londrinense, «Luquinha» foi progredindo, e chega agora a Portugal, mais concretamente à cidade algarvia de Portimão, já depois de se ter estreado como profissional, algo que acontecera em março passado por ocasião de uma partida referente ao Campeonato Paranaense, frente ao Foz do Iguaçu FC. No total, o futebolista natural de Primeiro de Maio completaria 13 jogos – oito como titular – pela formação treinada por «Alemão», tendo marcado quatro golos e efetuado, ainda, duas assistências. Antes disso, e ainda no decurso da pretérita temporada, o jovem médio ofensivo havia sido a referência do Londrina na maior competição de juniores do Brasil, a Copa São Paulo de Futebol Júnior, ao ser o melhor marcador – seis golos em quatro encontros – e capitão do conjunto orientado por «Silvinho» Canuto.

O médio ofensivo «Luquinha» protagonizara excelentes exibições, ao serviço dos juniores do Londrina e foi premiado com a promoção à equipa principal Fonte: Gustavo Oliveira / LEC

Como joga:

Lucas Queiroz Canteiro, mais conhecido no meio futebolístico por «Luquinha», é um médio de caraterísticas predominantemente ofensivas. Possuidor de um baixo centro de gravidade – mede, somente, um metro e sessenta e sete centímetros -, o jovem paranaense é um futebolista bastante hábil e assertivo, que não hesita em encarar os adversários em lances de 1vs1. Saliente-se, para além disso, a sua grande aptidão para surgir em zonas de finalização. No entanto, um dos seus principais atributos reporta-se à capacidade de remate a longa distância. Neste sentido, de referir que apesar de destro, este jovem paranaense se mostrar, igualmente, eficiente na utilização do seu pé esquerdo. De realçar, ainda, o facto deste futebolista nascido no ano 2000 ser um excelente cobrador de lances de bola parada, uma tarefa da qual estava encarregue no seu anterior clube.

Nome: Lucas Queiroz Canteiro; Data de nascimento: 3 de outubro de 2000; Naturalidade: Primeiro de Maio (Paraná)

Posição preferencial: médio ofensivo;

Pé preferencial: direito

Foto de Capa: Gustavo Oliveira/ Londrina Esporte Clube

artigo revisto por: Ana Ferreira

 

Comentários