O SC Braga detém uma das maiores promessas do futebol português, formado no clube, que desde cedo demonstrou talento e condições para fazer crescer a sua habilidade futebolística. Apesar de ser franzino, nunca teve medo de ir a jogo e demonstrar o seu futebol cheio de técnica, velocidade e com golo, características que foram encantando os seus treinadores pelas camadas jovens. A juntar a isto, as constantes chamadas à seleção fizeram com que se começasse a falar neste jogador, de seu nome Francisco António Machado Mota Castro Trincão, ou simplesmente Trincão, que tem tudo para ter um futuro brilhante.

O clique para este extremo virtuoso deu-se aquando do Europeu Sub-19, em 2018, onde Portugal foi declarado vencedor e Trincão premiado com a bota de ouro, com 5 golos (a par de Jota). Esta excelente campanha foi uma chamada de atenção para os “tubarões” do velho continente, que começaram a sondar o jogador e o clube.

Seguiu-se a época 2018/2019. No seu ano de afirmação, o esquerdino teria garantido a presença no plantel principal, onde Abel Ferreira, apesar da total crença da direção no número 77, pouco apostou no jogador, o que resultaria nuns míseros 120 minutos pelo conjunto. Aproximar-se-ia um verão agitado. Em Itália, o principal mercado do jogador, colossos como o Internazionale e a Juventus FC chegaram com propostas de 15 milhões de euros, desde logo recusadas por António Salvador que tem como estratégia garantir a presença dos talentos da formação na equipa principal, de forma a usufruir do rendimento desportivo e financeiro.

Esta ano tem sido a sua época de ascensão: com Sá Pinto, a sua utilização não foi imediata, porém, e especialmente com Rúben Amorim, que já demonstrou, em declarações, que pretende fazer dele o principal jogador da equipa. No único jogo disputado na era Amorim, notou-se, desde logo, a grande influencia de Trincão no jogo. É uma grande arma no jogo ofensivo, com capacidade de aparecer entre linhas e também no jogo interior. Juntamente a Paulinho e Ricardo Horta forma um trio muito perigoso para os adversários. Deverá dar boas dores de cabeça ao treinador, sabendo que o plantel conta ainda com Galeno que tem feito as delícias dos adeptos.

Trincão é uma grande arma no jogo ofensivo
Fonte: FIFA

Na realidade, Trincão foi um dos atletas mais beneficiados pela troca de treinador no SC Braga, atualmente encontra um treinador que não tem receio de apostar nele, que aprecia o seu talento e, provavelmente, que será capaz de polir um craque em bruto. As oportunidades dadas ao craque deverão ser aproveitadas para o mesmo dar dimensão ao talento, crescer e evoluir para ajudar a equipa a cumprir os seus objetivos.

É um dos maiores talentos do futebol português e mundial e até a UEFA refere-o como um dos jovens mais promissores do mundo, que está destinado a voos mais altos. Os arsenalistas são um bom ponto de partida para uma carreira próspera. Com uma cláusula de rescisão colocada nos 30 milhões de euros, o jovem extremo poderá ser alvo, já no mercado de inverno, de investidas, principalmente, de clubes italianos, prontos a pagar o seu valor.

O único entrave?

António Salvador, que já veio a público garantir que o jogador irá manter-se no clube, o que pode ser bom para a sua evolução, contudo este é o ativo com mais mercado do plantel e as propostas cada vez mais aliciantes poderão levar a um volte-face nestas afirmações.

Foto de Capa: UEFA

Artigo revisto por Diogo Teixeira

Comentários