Já nos tínhamos habituado a ver Pepa no comando do CD Tondela. O treinador português tornou-se um tondelense no dia 10 de janeiro de 2017 e foram muitas as proezas que realizou: em duas épocas e meia, garantiu a permanência três vezes (duas delas de forma heróica – na última jornada), e obteve melhor classificação do clube no futebol português. Para se ter noção, Pepa era o treinador há mais tempo no comando de uma equipa do escalão principal do futebol português.

Porém, tudo tem um fim e a ligação de Pepa ao Tondela terminou no passado mês de junho. Para o seu lugar veio um desconhecido espanhol: Natxo González. O técnico natural de Vitoria-Gasteiz (norte de Espanha) comandou o RC Deportivo de Corunha na época passada.

Na Corunha, o técnico foi até à final do playoff de acesso à primeira liga espanhola. Na primeira mão, e a jogar em casa, o Depor venceu o RCD Mallorca por 2-0, com o conhecido Domingos Duarte a titular. Porém, no segundo e derradeiro jogo da final, as coisas foram bastante distintas: os comandos de Natxo González deixaram-se dormir e foram surpreendidos pelos homens do sul de Espanha: uns esclarecedores 3-0 afastaram o Depor e Natxo da La Liga.

O técnico espanhol assinou até 2021
Fonte: CD Tondela

Na época 17/18, o técnico espanhol orientou Zaragoza, ficou em terceiro na segunda divisão espanhola e acabou eliminado pelo CD Numancia de Soria na meia final do playoff. O Zaragoza terminou o campeonato a quatro pontos do acesso directo à primeira liga e foi eliminado pelo sexto classificado num agregado de 3-2. Ou seja, dois seguidos em que o técnico morreu na praia.

Antes disso, foram 128 jogos ao serviço do CF Reus (três épocas). As duas primeiras na terceira divisão espanhola e a última já no segundo escalão, onde Natxo conquistou o décimo quatro posto da tabela classificativa. Na primeira época ao serviço do CF Reus, o técnico espanhol foi até ao playoff de subida mas foi eliminado nos quartos-de-final pelo Racing Ferrol. Ou seja, nestes três anos foi uma eliminação no playoff de subida, uma subida de divisão e uma permanência na segunda divisão.

Antes disso foi o Deportivo Alavés quem contou com Natxo González. Na temporada 12/13 o técnico subiu de divisão para a La Liga 2, eliminando o Real Jaén e o CD Tenerife nas eliminatórias do playoff de subida. Na época seguinte, o técnico espanhol saiu a meio da temporada e o Alavés acabou a época no primeiro lugar de manutenção, com um ponto de vantagem do CD Mirandés.

Em suma, em 256 jogos Natxo González conta com 116 vitórias, 76 empates e 64 derrotas. É um treinador habituado a subir equipas mas nunca treinou uma primeira liga. É, por isso, um tiro no escuro por parte da direcção do Tondela, até porque o técnico nunca treinou fora de Espanha.

Foto de Capa: CD Tondela

 

 

Comentários