Anterior1 de 4Próximo

Varzim SC e SL Benfica B disputaram, este sábado no Estádio do Varzim Sport Club, a partida inaugural da 22ª jornada da Segunda Liga Portuguesa. O conjunto encarnado acabou por levar a vitória pela margem mínima, regressando desta forma às vitórias.

Num jogo marcado pela falta de capacidade da equipa da casa em entrar no último terço do terreno, foi o Benfica B que dispôs das melhores oportunidades do jogo. Mesmo sem as principais figuras da equipa o conjunto liderado por Renato Paiva conseguiu ultrapassar as dificuldades para arrecadar os três pontos.

O jogo começou com as duas formações a explorarem o terreno e a procurarem construir a partir de trás, mas sem situações de perigo já que havia dificuldade em penetrar o último terço de terreno de parte a parte.

A primeira chance com perigo da partida foi do Benfica B com Willock a cruzar da direita para a cabeça de Nuno Santos que toca para Saponjic cabecear para defesa com segurança de Emanuel.

Saponjic teve outra oportunidade de marcar ao minuto 30 com um bom remate já dentro da grande área a obrigar Emanuel a uma defesa apertada para canto. Bem o sérvio, a procurar sempre a baliza e a dispor das melhores oportunidades dos encarnados.

À passagem do minuto 40 foi a vez de Willock tentar inaugurar o marcador no Estádio do Varzim Sport Club. O jovem inglês só com Emanuel pela frente tentar fazer a bola passar por baixo das pernas do guardião, que estava atento, ficando com a bola.

Mesmo antes da recolha para os balneários Saponjic ainda teve outra oportunidade de alvejar a baliza dos poveiros. Willock viu a desmarcação do sérvio e serviu-o para este rematar mal e ao lado do alvo.

Numa primeira parte dominado pelo Benfica B, que teve as chances de perigo, o Varzim ainda dispôs de uma chance no último lance da primeira parte com Estrela a cabecear ao lado da baliza de Fábio.

Bernardo e João Amorim lutam pela posse de bola
Fonte: Liga Portugal

A segunda parte reatou com muitas interrupções. Predominava o jogo físico e as equipas a não conseguirem evitar as faltas. As equipas médicas tiveram que entrar por diversas vezes em campo para assistir jogadores com mazelas destes lances mais agressivos.

Primeira oportunidade do Varzim de visar a baliza de Fábio. Rui Pedro a aparecer em boa posição e a rematar contra a oposição. No contra-ataque foi Bernardo que, de fora da área, rematou forte para defesa de Emanuel para quanto.

O primeiro golo do jogo acabaria por chegar ao minuto 78 por intermédio de Chris Willock. O jogador britânico já se tinha mostrado inconformado com a tendência do jogo e a não desperdiçar. Ganhou na corrida à oposição e rematou sem hipótese de defesa de Emanuel.

O Varzim SC mostrou muitas dificuldades em penetrar o último terço do terreno. Recorria, por norma, às alas, já que não conseguia entrar pelo centro e não havia presença no centro da grande área para responder aos cruzamentos.

Antes do apito final, o Varzim conseguiu chegar mais próximo da baliza do Benfica B. O destaque vai para um cabeceamento de Chérif à malha lateral da baliza dos encarnados, após um canto batido por Rui Coentrão.

Assim sendo, o SL Benfica B sobe provisoriamente à terceira posição do campeonato e Varzim mantém-se na 12.ª posição à espera dos resultados dos jogos Arouca, Sporting da Covilhã, Braga B e Vitória SC B para ver se mantém esta posição ou se desce.

ONZES INICIAIS E SUBSTITUIÇÕES:

Varzim SC: Emanuel, Amian, Pavlovski, João Amorim, Mário Sérgio, Vasco Rocha, Jeferson, N. Agra, Estrela, Rui Coentrão, Rui Pedro

SL Benfica B: Fábio D., Willock, Bernardo, Frimpong, Saponjic, Benny, Kalaica, N. Santos, Alex Pinto, Vukotic, Zec

Anterior1 de 4Próximo

Comentários