ÚLTIMA HORA:

FC Porto x SL Benfica: Primeiro Assalto

ANTEVISÃO: SEM TIMONEIROS, AVANÇAM OS FIÉIS ESCUDEIROS

Este primeiro assalto, no Estádio do Dragão, entre FC Porto e SL Benfica tem características muito distintas do que ocorrerá na próxima semana.

É O PRIMEIRO ROUND DE UM CLÁSSICO QUE PROMETE MUITO! SEM GRANDES OPÇÕES: GANHAR OU FICAR DE FORA DA TAÇA! QUEM VAI VENCER O ENCONTRO? APOSTA JÁ NA BWIN!

Primeiro porque, sendo uma eliminatória de Taça, terá sempre que existir um vencedor e um vencido e depois porque se irá dar a particularidade de que nem águias nem dragões poderão contar com os seus treinadores principais no banco de suplentes.

Portanto, antes de entrar no jogo propriamente dito, deixo uma nota opinativa sobre este caso. É inaceitável que o Conselho de Disciplina da FPF passe meses a fio sem se pronunciar e que apenas agora anuncie o castigo dos dois treinadores.

Estamos a falar de declarações que transitam da época passada e a decisão tardia, numa altura em que as equipas se vão defrontar uma à outra, só pode ser resultado de incompetência ou má fé.

Quanto à partida de logo à noite, e apesar da ausência dos dois timoneiros, estão reunidas todas as condições para um grande jogo de futebol. As equipas chegam a esta altura da época praticamente na máxima força (Lucas Veríssimo e Pepe são as exceções) e vão defrontar-se na sequência de boas séries de vitórias e exibições convincentes.

A juntar a isto, a impossibilidade de empate confere ao jogo uma dose extra de imprevisibilidade e aumenta o entusiasmo em redor da partida.

Apesar de a ausência de Sérgio Conceição e Jorge Jesus dos bancos de suplentes não ser, de todo, uma boa notícia, não deixará de ser um fator de interesse perceber como é que Vítor Bruno e João de Deus vão lidar com a pressão de um jogo deste calibre e analisar qual dos dois fiéis escudeiros será mais capaz de transmitir as ideias dos treinadores para dentro do relvado.

À priori, não são esperadas grandes novidades nas equipas. No FC Porto, Marchesín deve assumir o lugar de Diogo Costa, mas, de resto, o FC Porto deverá avançar com os jogadores que entraram em campo na vitória sobre o Vizela no fim-de-semana.

No SL Benfica, o mais provável será a repetição integral do onze que goleou o Marítimo, com Vlachodimos a escapar à rotação na baliza.

Os dados estão lançados, as estrelas estão (quase) todas disponíveis. Venha daí o grande jogo.

10 DADOS RÁPIDOS

  1. No total de confrontos ente FC Porto e SL Benfica, contam-se 97 vitórias portistas, 88 vitórias benfiquistas e, ainda, 62 empates;
  2. Nos jogos disputados entre ambas as equipas, marcaram-se, até ao momento, 742 golos. O FCP marcou 358 e o SLB apontou 384;
  3. Este será o 37.º jogo entre FC Porto e SL Benfica a contar para a Taça de Portugal;
  4. Histórico na prova rainha claramente favorável às águias: 21 vitórias contra 11 dos portistas;
  5. No entanto, em confrontos disputados na casa azul e branca, o FC Porto leva vantagem (7 vitórias contra 3);
  6. O último jogo entre ambas as equipas, disputado no Estádio do Dragão, resultou num empate a uma bola (1-1). Grimaldo e Marega foram os autores dos golos;
  7. O último encontro entre ambas as equipas a contar para a Taça de Portugal foi na final da prova em 2020, com a vitória a sorrir aos dragões (2-1);
  8. É o 7.º jogo de Vítor Bruno à frente da equipa do FC Porto, depois de ter vencido os 6 anteriores;
  9. João de Deus conta com 3 triunfos no papel de treinador principal do Benfica;
  10. Jorge Jesus foi treinador de Sérgio Conceição na época de 95/96, quando este último esteve emprestado pelo FC Porto ao Felgueiras;
  11. No duelo particular entre Jesus e Conceição, o treinador das águias leva ligeira vantagem. 7 vitórias contra 5. Aconteceram, ainda, 6 empates;

JOGADORES A TER EM CONTA

Luis Díaz FC Porto SL Benfica Primeiro Assalto
Fonte: Diogo Cardoso / Bola na Rede

Luis Díaz (FC Porto) – É incontornável apontar Luís Díaz como o jogador a ter em conta do lado do FC Porto. Tem sido o abono de família dos dragões e o único com níveis de eficácia de remate acima da média. É, muito provavelmente, o jogador em melhor forma em Portugal e corre a alta velocidade pelo prémio de melhor jogador da época.

Rafa Silva SL Benfica FC Porto Primeiro Assalto
Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

Rafa (SL Benfica) – Só não é absolutamente incontestável que Luís Díaz é, neste momento, o melhor jogador do nosso futebol porque Rafa, internacional português, tem-nos brindado, este ano, com a sua melhor versão de sempre. À velocidade e técnica está a ser capaz de juntar um invulgar acerto no momento da decisão.

XI’S PROVÁVEIS

FC Porto (4x4x2): Marchesín, João Mário, Fábio Cardoso, Mbemba, Zaidu; Uribe, Vitinha, Otávio, Luis Díaz; Taremi e Evanilson.

Treinador: Vítor Bruno

Nenhum elemento da equipa técnica do FC Porto compareceu à conferência de imprensa de antevisão da partida.

RAFC (4x3x3): Vlachodimos; André Almeida, Otamendi, Vertonghen; Gilberto, Weigl, João Mário, Grimaldo; Rafa, Darwin e Yaremchuk.

Treinador: João de Deus

“Nós estamos preparados para tudo o que possa acontecer amanhã. Jesus vai ao mais pequeno detalhe e faz com que os jogadores estejam mais confortáveis para dar respostas ao que é preciso. Aquilo que tentaremos fazer, de forma quase indireta, é colocar em prática o que fomos trabalhando ao longo da semana.”

PREVISÃO DE RESULTADO: FC PORTO 2-1 SL BENFICA

Componente 5 – 1 (1)

Fervoroso adepto do futebol que é, desde o berço, a sua grande paixão. Seja no ecrã de um computador a jogar Football Manager, num sintético a jogar com amigos ou, outrora, como praticante federado ou nos fins-de-semana passados no sofá a ver a Sporttv, anda sempre de braço dado com o desporto rei. Adepto e sócio do FC Porto e presença assídua no Estádio do Dragão. Lá fora sofre, desde tenra idade, pelo FC Barcelona. Guarda, ainda, um carinho muito especial pela Académica de Coimbra, clube do seu pai e da sua terra natal. De entre outros gostos destacam-se o fantástico campeonato norte-americano de basquetebol (NBA) e o circuito mundial de ténis, desporto do qual chegou, também, a ser praticante.

Fervoroso adepto do futebol que é, desde o berço, a sua grande paixão. Seja no ecrã de um computador a jogar Football Manager, num sintético a jogar com amigos ou, outrora, como praticante federado ou nos fins-de-semana passados no sofá a ver a Sporttv, anda sempre de braço dado com o desporto rei. Adepto e sócio do FC Porto e presença assídua no Estádio do Dragão. Lá fora sofre, desde tenra idade, pelo FC Barcelona. Guarda, ainda, um carinho muito especial pela Académica de Coimbra, clube do seu pai e da sua terra natal. De entre outros gostos destacam-se o fantástico campeonato norte-americano de basquetebol (NBA) e o circuito mundial de ténis, desporto do qual chegou, também, a ser praticante.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA